Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Alimente o seu espírito. Receba grátis os artigos da Aleteia toda manhã.
Inscreva-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

A lista do que fazer para enfrentar a dor do fim de um relacionamento

SAD-WOMAN-SARROW OF LOVE
© fizkes - shutterstock
Compartilhar

Algumas relações amorosas chegam ao fim, quer nós esperemos ou não. E quando isso acontece, é uma verdadeira catástrofe. Nós nos sentimos devastados e pensamos que jamais poderemos nos apaixonar novamente. Como superar essa dor?

“E viveram felizes para sempre e tiveram muitos filhos”, dizem os numerosos contos de fada. Mas na vida real, nem todas as histórias de amor têm um final feliz assim. Se você está lidando com o fim de um relacionamento, aqui estão alguns conselhos para o ajudar a se recuperar e olhar para o futuro com mais esperança.

  1. Precisamos acreditar que podemos amar duas vezes e a segunda mais do que a primeira!
  2. Saia de casa, se distraia, tire fotos, enfim, crie novas memórias.
  3. Não fique preso à sua própria miséria, você não pode ficar se sentindo uma vítima.
  4. É preciso se distanciar, cortar definitivamente o contato com o outro e não mais se colocar sobre o seu caminho. Isso cria em você uma falsa esperança que apenas o fará reabrir a ferida.
  5. Enterre este “sonho”. Se ficamos para sempre esperando que um dia este amor vai dar certo, é impossível sermos curados. 
  6. Trabalhe, cuide da mente e ocupe o seu espírito com outras ideias.
  7. Diga a si mesmo que o fracasso faz sentido, o ajuda a amadurecer.
  8. Diga a si mesmo: “Talvez não fosse ele(a) que eu amei, mas uma imagem ideal que eu criei e que ele(a) não era”.
  9. Chore o quanto for necessário.
  10. Não se vingue dos outros.
  11. Tente pensar sistematicamente em novas ideias. A longo prazo sua mente ficará livre e sessarão os pensamentos obsessivos.
  12. Olhe para o seu exterior, não se deixe apenas levar pela vida. Isso te ajudará a recuperar a confiança em si. 
  13. Não corra para os braços de outra pessoa para compensar a falta que o outro lhe faz.  Você pode amar duas vezes, mas é necessário um tempo de transição.
  14. Encontre o seu valor por você mesmo, e não pela admiração que os outros têm por você. Retome o poder sobre você mesmo. 
  15. Cuide daqueles que estão numa situação ainda mais difícil que a sua.
  16. Para evitar a depressão, é preciso que você descanse e durma as horas que o seu corpo pedir. Caso necessário, consulte um médico.

Père Denis Sonet 

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.