Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Demônio

Homenagear o diabo no capitólio de Oklahoma?

Grupo satânico apresenta uma estátua de Satanás acompanhado de duas crianças como proposta de monumento público

Pe. Gabriele Amorth: “Cada diocese deveria ter um exorcista”

O célebre exorcista propõe a retomada dos estudos de angelologia e de demonologia nos seminários e a extensão do ministério do exorcistado a todos os sacerdotes

Mas eu só queria conhecer o futuro…

As práticas que abrem as portas a seres espirituais pouco recomendáveis

Papa Francisco: o demônio existe, não é fábula

Advertindo os cristãos para “não ser ingênuos”, o Papa falou sobre as estratégias do diabo

Pe. Amorth: os que querem a guerra na Síria “são instrumentos do diabo”

"O Senhor é um Deus de paz, quer a paz, quer o amor entre os homens, quer a solidariedade e a ajuda, de modo que o rico ajude o pobre"

O Papa Francisco tem um interesse especial pelo demônio?

Em sua 1ª Missa como Papa, falou da tentação da Igreja de rezar ao demônio e, em Pentecostes, orou para livrar um peregrino mexicano do mal. Por quê?

Por que o Papa Francisco continua falando do diabo?

Uma coisa é certa: para Bergoglio, o diabo não é um mito, mas uma pessoa real; por trás do ódio contra Jesus e a Igreja está o "príncipe deste mundo"

1 25 26 27
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.