Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 25 Fevereiro |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Vaticano começa a aplicar terceira dose da vacina contra a Covid-19

SZCZEPIENIE

Kunal Mahto | Shutterstock

Reportagem local - I. Media - publicado em 28/10/21

A dose de reforço é dada prioritariamente a pessoas com mais de 60 anos e aos imunocomprometidos

O Vaticano já começou a administrar a terceira dose da vacina contra a Covid-19. Segundo a Sala de Imprensa da Santa Sé, a aplicação da dose de reforço teve início em meados do mês de outubro.

O porta-voz Matteo Bruni afirmou que a terceira dose é dada prioritariamente a pessoas com mais de 60 anos e aos imunocomprometidos.

De acordo com a agência italiana ANSA, o Papa Francisco foi um dos primeiros a receber o reforço da imunização.

Já a agência I.Media afirma que Francisco e Bento XVI “muito provavelmente” receberam a terceira dose, por estarem na faixa etária prioritária.

Francisco, de 84 anos, tomou a segunda dose da Pfizer em fevereiro.

Em defesa da vacina

O Papa Francisco tem dado repetido apoio e incentivo às campanhas de vacinação contra a Covid-19. Ele defendeu as medidas necessárias para disponibilizar imunizantes aos países de baixa renda.

A questão de um reforço estava, portanto, em questão.

O diretor da OMS insistiu repetidamente que os países de alta renda adiem as doses de reforço para dar aos países pobres os suprimentos de que precisam para, pelo menos parcialmente, garantir a vacinação básica. Muitos países de baixa renda, especialmente na África, ainda não vacinaram nem mesmo 1% de suas populações com a primeira dose ou dose única.

Vaticano na vanguarda da vacinação

Segundo dados da região de Roma, o Vaticano administrou mais de 25.000 doses desde o início da campanha de vacinação, que teve início em 13 de janeiro de 2021.

A assessoria de imprensa do Vaticano não declarou oficialmente se o Papa Francisco já recebeu a terceira dose.

O Vaticano exortou todos os seus funcionários a serem vacinados.

Desde 1º de outubro, para entrar no Vaticano, é necessário um passe de saúde, exceto para assistir às celebrações litúrgicas na Basílica de São Pedro.

Tags:
CovidInformações sobre vacina contra COVID-19Papa FranciscoVaticano
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia