Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Atualidade

Conclave: começa a contagem regressiva

© JOHANNES EISELE / AFP

Guardias suizos atraviesan la columnata hacia el Brazo de Carlomagno

Aleteia Vaticano - publicado em 11/03/13

A primeira fumaça deve sair por volta das 15h (horário de Brasília)

Começa a espera no verdadeiro sentido da palavra: hoje de manhã, foi realizada a última congregação geral dos cardeais antes do conclave. Os Padres – 152 – decidiram não fazer outra congregação à tarde porque estariam ocupados nos preparativos da mudança para a Domus Sanctae Marthae, onde se hospedarão durante o conclave. Na 10ª congregação geral, houve 28 intervenções, totalizando 161 ao longo de todas as reuniões.


O tema mais recorrente durante a manhã foi o das expectativas sobre o novo pontífice e, por conseguinte, sobre o seu perfil. Houve também uma breve comunicação sobre o IOR, sua natureza e inserção no âmbito dos controles internacionais, por parte do cardeal Tarcisio Bertone, em qualidade de presidente do conselho de cardeais que vela sobre este instituto bancário.


Segundo o porta-voz vaticano, Pe. Federico Lombardi, diversas intervenções expressaram "sua satisfação pelo clima de partilha vivido durante as congregações e a possibilidade de expressar-se".


Durante os trabalhos, foram sorteados os membros da nova congregação particular, que continuarão no cargo também no início do conclave (se este durar mais de 3 dias, serão sorteados outros): Naguib (da ordem dos bispos), Ouellet (da ordem dos presbíteros) e Monterisi (da ordem dos diáconos).


Na tarde de hoje, foi realizado o juramento da equipe encarregada da logística, presidido pelo camerlengo Tarcisio Bertone. O grupo é composto por cerca de 90 pessoas, incluindo, entre outros, o secretário do colégio dos cardeais, o mestre de cerimônias litúrgicas pontifícias, alguns religiosos para as confissões, médicos e enfermeiros para intervir em caso de problemas de saúde, encarregados dos serviços técnicos da Floreria vaticana, os motoristas dos ônibus que fazem a ponte entre a Domus e a Sistina, e a equipe de segurança.


Amanhã, 12, será um dia intenso para os cardeais. Depois de levar seus objetos pessoais para a Sanctae Marthae, aos quartos que lhe foram designados por sorteio, às 10h terão de estar preparados, na Basílica de São Pedro, para a Missa solene pro eligendo romani pontifice, na qual concelebrarão também os cardeais não eleitores e da qual é possível participar livremente.


Dado que já há cerca de 5.600 jornalistas acreditados atualmente em Roma, sua admissão à Basílica será reduzida por motivos óbvios.


Na terça-feira à tarde (16h30, hora de Roma), os cardeais eleitores se encontrarão na Capela Paulina para a oração após a qual começará a procissão que, atravessando a Sala Regia, entrará na Capela Sistina. A procissão será acompanhada pelo canto das ladainhas e pelo solene "Veni Creator Spiritus".


Após entrar na Capela Sistina, os cardeais se dirigirão aos seus lugares, onde encontrarão o Ordo Rituum Conclavis (que explica detalhadamente o rito do conclave), a constituição apostólica Universi Dominici Gregis e a Liturgia das Horas. O primeiro ato será o juramento.


O cardeal Re, que preside em ausência do decano do colégio cardinalício (Angelo Sodano, que não participa do conclave porque tem mais de 80 anos), lerá a longa fórmula introdutória em latim, ao final da qual cada cardeal, em ordem de precedência, se dirigirá ao púlpito colocado no centro da Capela e pronunciará o juramento, com a mão sobre o Evangelho.


Quando o último dos 115 eleitores pronunciar a fórmula "prometo, obrigo-me e juro. Assim Deus me ajude e estes Santos Evangelhos, que toco com a minha mão", o mestre de cerimônias litúrgicas pronunciará o fatídico "extra omnes" ("todos fora"), que marcará a saída da Capela de todos aqueles que não são eleitores, exceto o cardeal que deve ditar a meditação e o próprio mestre de cerimônias.


Após a meditação, os eleitores poderão realizar a primeira votação, e poderemos esperar a primeira fumaça indicativa do estado da eleição do pontífice.


Em 2005, no conclave que levou à eleição de Bento XVI, a primeira fumaça preta saiu às 20h04 (horário de Roma). "Podemos esperar mais ou menos a mesma coisa desta vez", afirmou Lombardi.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CardeaisConclavePapa
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
SAINT JOSEPH SLEEPS
Philip Kosloski
Durma em paz com esta breve oração a São José
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia