Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
home iconPara Ela
line break icon

O amor existe ou é uma fantasia?

© LilKar/SHUTTERSTOCK

Juan Ávila Estrada - publicado em 06/12/13

Só o amor dá orientação à vida, salva do sem-sentido da existência, confere plenitude ao ser e nos eterniza no tempo

Todo ser humano anseia por encontrar o amor, viver o amor e morrer com a experiência de ter se sentido amado. Não se pode viver sem acreditar no amor. Esta busca constante nos levou a exigir provas da sua existência, mas infelizmente buscamos em outras pessoas o que deveríamos começar a buscar em nós mesmos.

Este é o primeiro grande erro: buscar o amor em outros, e não no próprio interior e nas próprias certezas. Achamos que os outros devem nos convencer de que não estamos diante de uma fantasia e que somente quando fizerem isso é que chegaremos à conclusão de que não vivemos em um conto de fadas.

Desconhecemos uma grande verdade: o amor existe em quem acredita nele, pois este já é um indício da sua presença. O que acontece é que precisamos de educação, guia, amadurecimento para que isso que começou como uma mera exaltação dos sentidos e das emoções se torne uma decisão que nada nem ninguém poderá arrancar do nosso coração.

Mas o que pensar daqueles que, nesta busca por conhecer a força de um amor, são capazes de pedir provas disso?

Não existem provas de amor, pois o que hoje se pode fazer por alguém amanhã pode ser que já não se faça. E qualquer prova pedida é uma forma de manipulação velada. No amor, podemos usar a mesma fórmula cristã da proibição do juramento: é preciso dizer sim ou não. Acreditamos no amor ou não. Neste sentido, o que conta é a sinceridade.

Amar é a vocação de todo ser humano. Fomos criados para o amor; ele é o nosso começo, nosso meio e nosso fim. Mas, neste incessante desejo por possuí-lo, por experimentá-lo, cometemos grandes erros, pois podemos achar que, para chegar a ele, qualquer coisa é válida, incluindo pisotear os outros.

Não se constrói uma vida sobre as cinzas de outra. Quem nega aos outros o direito ao amor, acaba o negando a si mesmo. Não podemos viver o amor sozinhos, porque ele é uma vocação de todos.

O amor, como tal, não busca nem sequer instaurar a justiça, porque a justiça pode existir sem o amor. O amor é capaz de ir além da justiça, vai além do merecimento, para tornar-se doação total.

O problema de tudo isso radica no fato de que não compreendemos que o amor também precisa de treino, ensino, aprendizagem, para sermos capazes de assimilar que nem tudo se reduz a um belo sentimento (que, quando desaparece, nos faz acreditar que tudo acabou). O amor não é movido por fortes emoções; amor é comportamento, atitude permanente, doação irrestrita.

Não estamos falando de algo que possa ser encontrado na esquina da paixão nem na simplicidade da simpatia e do enamoramento. O amor tem pele, mas não é epidérmico; tem beijos, mas não busca a paixão; tem abraços, mas não é possessivo; tem corpo, mas não se reveste de genitalidade.

Estamos falando daquilo que é essencial ao ser humano e, portanto, é o que o levará à perfeição da vida.

Só o amor dá orientação à vida, salva do sem-sentido da existência, confere plenitude ao ser e nos eterniza no tempo. Quem quer ser, precisa amar, e quem ama se torna um “deus” sem ser Deus.

Tags:
Amor
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
POPE URBI ET ORBI
Reportagem local
Bênção Urbi et Orbi do Papa Francisco nesta s...
Folheto divulgado por Antônio Carlos da Silva
Reportagem local
Eu nasci mais ou menos em 1988: os 27 anos da...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Jesús V. Picón
Padre com câncer terminal: perde os olhos, ma...
FATIMA
Philip Kosloski
Nossa Senhora de Fátima tem um conselho para ...
Medalha Milagrosa verdadeira ou falsa
Reportagem local
Cuidado: saiba distinguir entre a real Medalh...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia