Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano
Religião

Brasil envia pesquisa sobre famílias ao Vaticano

© DR

Christiane Sales - Aleteia Vaticano - publicado em 17/02/14

Confira entrevista com o Pe. Rafael Fornasier sobre os resultados da pesquisa brasileira para o Sínodo dos Bispos

A III Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, convocada pelo Papa Francisco para 5 a 19 de outubro, vai analisar os resultados das pesquisas feitas com leigos de todas as dioceses do mundo. O objetivo é detectar os principais desafios para a evangelização das famílias no contexto atual. A assembleia vai contar com a participação de bispos representantes das Conferencias Episcopais, além de sociólogos, antropólogos e médicos especialistas em questões ligadas a família. ALETEIA entrevistou o  Pe Rafael Cerqueira Fornasier, assessor nacional da Comissão E. P. para a Vida e a Família da CNBB, que organizou o documento enviado ao Vaticano com os resultados da pesquisa nas dioceses brasileiras. Confira a entrevista.

Qual foi a metodologia adotada nas pesquisas feitas no Brasil?

Assim que a presidência da CNBB recebeu o comunicado da Secretaria do Sínodo, ela se dirigiu aos bispos do Brasil, a fim de que as nossas Igrejas particulares dessem sua contribuição, pedindo que o Documento preparatório fosse estudado em todas as Dioceses, nas Paróquias, Comunidades, Institutos Superiores de Formação, Seminário etc. Orientou-se também para que cada Igreja particular realizasse uma síntese das respostas e observações e a enviasse ao Secretariado Geral, para que este, por sua vez, pudesse sintetizar as contribuições vindas das Igrejas particulares e enviá-la à Secretaria do Sínodo, que procederá, então, à elaboração do Instrumentum laboris (documento de trabalho) para o Sínodo extraordinário. Contudo, muitas foram as contribuições de paróquias, grupos, padres e leigos enviadas diretamente.

Pode nos informar os números de leigos que participaram e as parciais, porcentagens?

Não temos como mensurar, em números exatos e em porcentagem, a participação dos leigos na elaboração das respostas ao questionário. Contudo, os textos enviados, quase na sua totalidade, indicavam que a metodologia de trabalho empregada na diocese ou na comunidade paroquial, envolveu os leigos: membros da Coordenação de Pastoral da Diocese, dos Conselhos Paroquias de Pastoral, de várias pastorais, movimentos, serviços etc.. Contou-se, quase sempre, com uma significativa contribuição da Pastoral Familiar e de tantos outros movimentos e serviços familiares na realização de um trabalho conjunto com o clero. Ou seja, embora não se tenham números exatos, percebeu-se ampla e significativa participação na elaboração das respostas ao questionário.

A CNBB pretende fazer uma ação de evangelização local a partir do resultado?

Não há dúvidas que as respostas ao questionário, que foram enviadas à CNBB e que continuam sendo enviadas, constituem um importante material de trabalho para o futuro da ação evangelizadora no âmbito da família. No entanto, como nesta fase de preparação para o Sínodo, o objetivo foi de realizar um levantamento das diversas situações elencadas no questionário, elaborando assim o status quaestionis, será necessário avançar juntamente com a Igreja universal, através dos trabalhos desse Sínodo extraordinário e do Sínodo ordinário em 2015, a fim de se tirar conclusões acertadas que orientarão o trabalho da Igreja no Brasil e no mundo com e em favor da família.

O resultado surpreendeu a Comissão?

Quanto à participação das Igrejas particulares, o resultado, de fato, é extremamente significativo. Houve uma participação bem maior do que a do Sínodo sobre A Nova Evangelização para a Transmissão da Fé. Quanto às respostas, deve-se salientar a grande convergência do conteúdo das mesmas.

Diante das respostas, na sua opinião, qual seria o maior desafio para a evangelização das famílias no Brasil?

É sempre difícil apontar o “maior desafio” para a evangelização da família de forma genérica, pois há muitos desafios, variáveis em função das idades, das regiões e das situações das próprias famílias. Contudo, poder-se-ia dizer que temos diante de nós a grande missão de continuarmos apresentando a Boa-Nova da família às crianças, aos jovens e aos adultos como uma proposta que responde, mais adequadamente, aos anseios profundos do coração do homem e da mulher e às suas necessidades pessoais e sociais, de modo criativo, atraente, convincente e alegre.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
BrasilFamílialeigosPapa FranciscoSínodo
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Papa Francisco São José Menino Jesus
ACI Digital
Papa Francisco reza esta oração a São José há...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia