Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 30 Outubro |
Santo Angelo de Acri
home iconEstilo de vida
line break icon

Qual o espaço reservado à oração no coração das pessoas?

ALETEIA/Jeffrey Bruno

A12 - publicado em 18/03/14

Precisamos compreender a oração como o mais belo dos instrumentos que Deus nos presenteou para que reconheçamos tanto quem somos quanto quem Ele é

Qual é o espaço reservado à oração no coração do homem contemporâneo? Mais ainda, será que esse homem, caracterizado pelos mais diversos adjetivos – superficial, plural, descompromissado, fluido, vazio, etc. – e inserido em um mundo do barulho e da velocidade, é capaz de orar com autenticidade? Perguntas como essas são pontos particularmente importantes de reflexão em tempos como os que os cristãos católicos vivem exatamente agora.

Durante a Quaresma, a oração ocupa um lugar de ainda mais destaque nos apelos da Igreja, somada ao jejum e à caridade, em prol de uma boa preparação para a Páscoa. Mas de que forma rezar? Por que rezar? Rezar ainda é importante hoje?

“Não é tanto para que os católicos aumentem a quantidade, mas intensifiquem a qualidade da oração. Dirigir-se a Deus pode entrar em um processo de cobrança, de fazer Deus nosso devedor, enfim, alguém que tem obrigações para conosco. Daí a importância de reavivar o nosso diálogo com o Criador”, explicita o doutor em Teologia Pastoral cônego Sérgio Conrado. "O critério fundamental da oração cristã é a oração de Jesus. É um voltar-se para e um reconhecimento de Deus como fundamento e centro da existência…".  

Já o doutor em Teologia da Missão Degislando Nóbrega de Lima indica que “o critério fundamental da oração cristã é a oração de Jesus. É um voltar-se para e um reconhecimento de Deus como fundamento e centro da existência a partir do qual nos reconhecemos como irmãos e irmãs, encontramos a alegria da partilha e do perdão.  A oração cristã não pode ser uma mera projeção de si mesmo”.

Se Deus está no centro, orar não pode ter a mera satisfação dos quereres pessoais como fim último. O ponto de partida e de chegada é Deus.

No entanto, é a partir da vida concreta com as outras pessoas que se pode fazer uma espécie de radiografia para constatar até que ponto o diálogo com o Senhor é genuíno. É por isso que oração, testemunho e missão estão sempre interligados. A verdadeira oração não pode terminar em si mesma, mas deve ajudar cada um a cumprir melhor a missão de cada um, testemunhando o encontro que se tem cotidianamente com Deus. Onde não há espaço para testemunho e missão é impossível nascer a oração, pois ela é contrária ao egoísmo e à busca simplesmente da satisfação pessoal.

“Precisamos compreender a oração como o mais belo dos instrumentos que Deus nos presenteou para que reconheçamos tanto quem somos quanto quem Ele é. Porém, o cristão pós-moderno, tomado de uma inconsequente arrogância, se autoafirmou como sujeito de si mesmo e senhor de sua própria vida”, diagnostica o doutor em Ciências da Religião, Luiz Alexandre Solano Rossi.

Vida em comunidade – Não é muito difícil ouvir argumentos como ‘Eu rezo em casa’, ‘Eu rezo sozinho’ e por aí afora. "Precisamos compreender a oração como o mais belo dos instrumentos que Deus nos presenteou para que reconheçamos tanto quem somos quanto quem Ele é".

Nessa perspectiva, vale questionar qual é a compreensão que os defensores das expressões acima têm acerca da oração. Muitas pessoas acreditam, devido a experiência negativas, que rezar pode ser um instrumento de alienação ou afastamento dos outros. Dessa forma, com a desculpa de “buscar somente a Deus”, aí sim acabam se isolando e deixam de se preocupar com os demais.

“Não é possível querer apenas Deus e rejeitar o povo e a Igreja de Deus. Quanto mais próximos de Deus, mais próximos uns dos outros e da vida da Igreja. Mais oração não significa mais individualismo, mas sim mais vida comunitária”, afirma o professor Luiz Rossi.

No processo de reavivar o diálogo com Deus, surgem inúmeras barreiras. Uma das principais é exatamente o desejo pessoal de fugir de compromissos para viver em uma zona de conforto individual e sem práticas comunitárias. Dessa forma, a oração corre o risco de se esvaziar e se transformar em uma espécie de diálogo mascarado, em que o homem finge falar e escutar a Deus.

“A Palavra de Deus, a liturgia da Igreja, as virtudes da fé, da esperança e da caridade são fontes da oração”, aponta o Catecismo da Igreja Católica (CIC, n. 2662). Embora Jesus chame a cada um individualmente para ser seu discípulo, todo o cristão faz parte do Corpo de Cristo, que é a Igreja, e tudo o que faz é potencializado e encontra seu verdadeiro sentido na vida comunitária.

(A12)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
EspiritualidadeOraçãoQuaresma
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia