Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

A tecnologia nunca substituirá o amor

© dtac/YOUTUBE
Compartilhar

Ela invadiu nosso estilo de vida, nosso povo, nossa mente, é capaz de unir e de distanciar as pessoas

Enquanto escutava o Papa Francisco falar sobre a solidariedade, refletia sobre o fato que a tecnologia pode nos aproximar, mas também nos distanciar.

A vida segue um rumo muitas vezes frenético, uma correria sem fim. Penso na época dos nossos avós, que viviam no campo e cultivavam a terra, época em que não existiam ainda computadores para todos, celulares e tantas tecnologias como hoje. Tudo parecia mais tranquilo e calmo, o dia tinha seu próprio tempo. 

Hoje, no ritmo do metrô, ônibus, taxi, trem, muitas vezes me deparo com cenas onde as pessoas estão de cabeça baixa, porque “conversam” com outras pelo celular. Nesses momentos me lembro da minha avó que me conta da sua juventude, onde as pessoas conversavam umas com as outras no trem, se conheciam, se importavam com quem estava ao lado.

A tecnologia invadiu nosso estilo de vida, nosso povo, nossa mente. Nos “aproxima”, quando falamos com alguém que está do outro lado do mundo. Nos distancia, porque o contato, o afeto, o toque, passou a ser “vivido” por meio de uma máquina, com botões, câmeras, smiles.

 

©La Bioguida

Chegamos a permanecer inquietos quando acaba a bateria do celular ou "cai" a internet. Nos tornamos dependentes de uma “evolução” que não se cansa, porém corre.

A tecnologia tornou-se algo que as pessoas não podem viver sem. É o desenvolvimento tecnológico que busca trazer soluções para os obstáculos de comunicação e substituir muitas, mas muitas coisas em nossas vidas. É por isso que algumas pessoas acreditam que ela torna possível o impossível. Enquanto isso, a sua forma mais avançada desenvolveu a maior saudade que temos, a saudade daquilo que a tecnologia nunca poderá substituir.

Se você acredita que o coração faz o mundo em que vivemos, permita que o seu coração se abra às pessoas ao seu redor, pois a tecnologia nunca substituirá o amor.

Este comercial lembra a única coisa que impulsiona a nossa vida para a frente. Confira:

 

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.