Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 28 Outubro |
Santos Apóstolos Simão e Judas Tadeu 
Aleteia logo
home iconEstilo de vida
line break icon

O segredo para envelhecer bem

Michael Brant CC

LaFamilia.info - publicado em 05/03/15

Como envelhecer com serenidade, paz e satisfação interior?

Os idosos são e têm um pouco de tudo: qualidades e defeitos, seguranças e incertezas. As pessoas envelhecem de forma individual e diferente, com a interação de fatores externos ambientais, do próprio caráter e da personalidade.

Existem várias formas de envelhecer. Cabe a cada um escolher como quer chegar à etapa final da vida e ir construindo, desde já, o caminho rumo a ela.

Envelhecer bem

Envelhecer bem envolve serenidade, paz e uma íntima e humilde satisfação interior. É bom igualmente para a família, porque facilita os cuidados, quando são necessários, em uma troca de agradecimento e carinho.

Do ponto de vista social, quem envelhece bem se forma como um exemplo de solidariedade, serviço, generosidade.

Envelhecer mal

Dentre todas as maneiras de envelhecer mal (o egoísta, o avarento, o autoritário, o desconfiado etc.), a pior de todas é não querer envelhecer, não admitir a idade e ficar preso a uma falsa juventude, tentando aparentar dez ou vinte anos a menos que vão sendo cumpridos em rigoroso segredo.

Esta forma de envelhecer condena à escravidão e viver uma vida estéril e custosa, de esforço e sacrifício para conseguir uma figura enganosa durante alguns poucos anos. O tempo revelará a evolução inexorável rumo à realidade da velhice encoberta.

Por outro lado, esta personalidade um tanto narcisista não impede que o indivíduo seja bom com sua família e seus amigos. Seu erro repercute essencialmente sobre si mesmo: ele não é feliz.

Envelhecer na resignação

A vida de resignação não é necessariamente triste. É algo completamente natural: conformar-se humilde e simplesmente à evolução pessoal normal.

Vejo-a encarnada na simples espera dos idosos. Espera de quê? Da eternidade!

Envelhecer na penumbra humana

Esta é uma boa forma de envelhecer, mas com um ponto de vazio triste. O arquétipo é um profissional culto, educado, racionalista. Pretende explicar tudo e vai atrás das descobertas científicas e técnicas ao seu alcance e nível.

Limitado pela sua idade e problemas de saúde, vive uma vida racional de cuidados médicos discretamente, sem ocultar nem exibir as dores e sofrimentos que suporta com toda paciência. É rigoroso ao seguir os tratamentos e a medicação indicados, em conexão com um centro hospitalar e científico.

A penumbra é que esta pessoa já vislumbra o fim (nunca fala da morte) sem encontrar sentido para a vida. Não se conforma e, em sua inquietude, geralmente se aproxima cada vez mais de Deus, não por medo, mas por conversão.

Envelhecer na esperança

Esta é a forma cristã de envelhecer. A pessoa espera uma resposta aos enigmas do destino, da vida, da morte.

A esperança cumpre na transcendência os desejos mais profundos, fundados em promessas divinas, de ser eternos e felizes. O idoso que envelhece na esperança aceita suas limitações, doenças, sofrimentos. Carrega tudo isso na sua velhice porque entende o sentido positivo da dor e o caminhar rumo a este final feliz.

É humano, sofre e resiste à morte, mas isso é diferente de sofrer sem um objetivo. São obstáculos do caminho antes de chegar à meta.

Envelhecer sem ou com esperança é semelhante a duas árvores iguais, plantadas em boa terra, cuidadas com esmero e que dão fruto excelente. No entanto, com o tempo, vão se esgotando. Uma se seca e cai ao chão, estéril. A outra possui uma semente oculta, que, levada por um vento irresistível, brota em outra terra com uma beleza e um esplendor jamais vistos.

E você, como quer envelhecer?

Tags:
IdososSaúdeVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
SANDRA SABATTINI
Francisco Vêneto
Primeira noiva em processo de canonização na história foi beatifi...
2
EUCHARIST
Reportagem local
O que fazer se a hóstia cair no chão durante a Missa?
3
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco: “Tenho medo dos diabos educados”
4
Pe. Jonas Magno de Oliveira e sua mãe
Francisco Vêneto
Mãe de padre brasileiro se torna freira na mesma família religios...
5
Transplante de rins
Francisco Vêneto
Transplante de rim de porco em humanos: a Igreja tem alguma objeç...
6
As irmãs biológicas que se tornaram freiras no instituto Iesu Communio
Francisco Vêneto
As cinco irmãs biológicas que se tornaram freiras em apenas 2 ano...
7
BENEDICT XVI
Marzena Wilkanowicz-Devoud
A arte de morrer bem, segundo Bento XVI
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia