Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia

15 coisas das quais você precisa desistir para ser feliz

Happy woman © Dirima / Shutterstock
<a href="http://www.shutterstock.com/pic.mhtml?id=134044355&src=id" target="_blank" />Happy woman</a> © Dirima / Shutterstock
Compartilhe este artigo para ter a chance de ganhar uma peregrinação a Roma
Compartilhar
Compartilhei
Compartilhamentos

Livre-se de certas coisas que só causam dor, estresse e sofrimento

Aqui está uma lista com 15 coisas das quais você precisa desistir para tornar a sua vida mais fácil e muito mais feliz. Nós nos agarramos a certas coisas que só nos causam dor, estresse e sofrimento – e, em vez de nos livrar delas, em vez de nos permitir ser livres e felizes, nos apegamos a elas. Não mais. A partir de hoje, vamos desistir de todas essas coisas que não nos servem mais e vamos aceitar a mudança. Você está pronto? Aqui vamos nós:

1. Desista da necessidade de estar sempre certo

Muitas pessoas não conseguem suportar a ideia de estar erradas – querem sempre estar certas – mesmo correndo o risco de acabar com grandes relacionamentos ou causar uma grande dose de estresse para si mesmas e para os outros. Isso não vale a pena. Sempre que você sentir a "urgente" necessidade de entrar numa discussão sobre quem está certo e quem está errado, pergunte a si mesmo: "É melhor estar certo ou estar bem? Que diferença isso faz? Seu ego é realmente tão grande?

2. Desista da necessidade de controle

Esteja disposto a desistir de sua necessidade de sempre controlar tudo o que acontece com você e ao seu redor – situações, eventos, pessoas, etc. Independente de quem se trate: amores, colegas de trabalho ou apenas estranhos que você encontrou na rua – apenas seja você e respeite a liberdade dos outros. Permita que tudo e todos sejam como são e veja o quanto isso vai fazer você se sentir melhor.

3. Desista de culpar os outros

Desista da sua necessidade de culpar os outros pelo que você tem ou não tem, pelo que você sente ou não sente. Pare de dar seus poderes aos outros e comece a tomar responsabilidade pela sua vida.

4. Desista da sua autocrítica destrutiva

Quantas pessoas estão prejudicando a si mesmas por causa de sua negativa, tóxica e repetitiva mentalidade derrotista? Não acredite em tudo que sua mente lhe diz – especialmente se ela for negativa e autodestrutiva. Você é melhor do que isso.

5. Desista de suas crenças limitantes

Desista de suas crenças limitantes sobre o que você pode ou não pode fazer, sobre o que é possível ou impossível. A partir de agora, você não permitirá mais que as suas crenças limitantes o mantenham preso no lugar errado. Abra suas asas e voe!

6. Desista de reclamar

Desista da sua constante necessidade de reclamar sobre muitas coias – pessoas, situações e acontecimentos que o deixam infeliz, triste e deprimido. Ninguém pode deixar você infeliz, nenhuma situação pode deixar você triste, a menos que você permita. Não é a situação que desencadeia esses sentimentos em você, mas o modo como você escolhe olhar para ela. 

7. Desista do luxo de criticar

Desista da sua necessidade de criticar coisas, eventos ou pessoas que são diferentes de você. Somos todos diferentes, mas todos são iguais. Todos mundo quer ser feliz, todo mundo quer amar e ser amado, e todo mundo quer ser compreendido. 

8. Desista da sua necessidade de impressionar os outros

Pare de tentar ser algo que você não é apenas para fazer os outros gostarem de você. As coisas não funcionam dessa maneira. No momento em que você parar de tentar ser algo que você não é, no momento em que você tirar todas as suas máscaras, no momento em que você aceitar quem é de verdade, você verá que as pessoas serão atraídas para você, sem esforço.

9. Desista da sua resistência à mudança

Mudar é bom. A mudança vai ajudá-lo a passar de A para B. A mudança irá ajudá-lo a fazer melhorias em sua vida, e também na vida daqueles ao seu redor. Siga a sua felicidade e abrace a mudança sem resistir.

10. Desista dos rótulos

Pare de rotular coisas, pessoas ou eventos que você não entende como sendo estranhos ou diferentes, e tente abrir a sua mente, pouco a pouco. A mente só funciona quando está aberta. 

Páginas: 1 2

Selecione como você gostaria de compartilhar.

Compartilhar
* O crédito para artigos compartilhados será fornecido somente quando o destinatário do seu artigo compartilhado clicar no URL de referência exclusivo.
Clique aqui para mais informações sobre o Sorteio da Aleteia de uma Peregrinação a Roma

Para participar do Sorteio, você precisa aceitar os Termos a seguir


Ler os Termos e Condições