Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Vídeo: FIFA censura Jesus na entrega da Bola de Ouro

Reprodução/Youtube
Compartilhar

A FIFA explicou que retiraram o texto da faixa do cabelo de Neymar “por respeito”. Por respeito a quem? A Neymar? Aos milhões de torcedores cristãos?

A FIFA, a máxima instituição do futebol mundial, censurou a inscrição “100% Jesus” que levava em uma faixa o jogador brasileiro Neymar no vídeo de apresentação do jogador na cerimônia da Bola de Ouro 2016, no dia 11 de janeiro, em Zurich (Suíça).

Para apresentar Neymar, um dos finalistas para receber a Bola de Ouro, a qual foi entregue ao argentino Lionel Messi (a quinta da sua carreira), a FIFA difundiu uma parte do vídeo do jogo do Barcelona no qual derrotou por 3 a 1 a Juventus da Itália na final da Champions League disputada em Berlim (Alemanha), no último dia 6 de junho.

No vídeo (aos 35 segundos), é possível observar que Neymar está usando uma faixa branca, cuja expressão “100% Jesus” foi censurada pela FIFA.

O fato gerou diversos protestos e expressões de rechaço, entre as quais está um abaixo assinado através da plataforma CitizenGo, no qual exigem uma desculpa formal da instituição futebolística.

“A FIFA explicou que retiraram o texto da faixa do cabelo de Neymar ‘por respeito’. Por respeito a quem? A Neymar? Aos milhões de torcedores cristãos? O gesto ‘cristofóbico’ supõe um claro ataque a liberdade religiosa”, indicou o pedido.

“Neymar – prosseguem – explicou em diversas ocasiões que é muito religioso e que usa a faixa em agradecimento à igreja evangélica por salvar da quebra financeira o time que então jogava seu filho”.

“Não é respeitável um símbolo que é significativo e relevante para um jogador? Por que não respeitam o jogador? Por que não respeitam os milhões de torcedores cristãos? Por que praticam censura no esporte?”, questionam.

No Código de Conduta da FIFA, aprovado em 25 de maio de 2012, explicam, estabelece no número 3.2 que “tratamos todas as pessoas com respeito e protegemos a dignidade, a privacidade e os direitos de todo ser humano. Acham que estão cumprindo seu próprio código de conduta?”

Para unir-se à campanha e assinar o pedido que até então tem mais de três mil assinaturas, ingresse em:

http://citizengo.org/es/32293-disculpas-publicas-inmediatas-fifa-por-censura

 

(via ACIdigital)

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.