Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 24 Junho |
São Goardo 
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Coalizão anti-EI se reúne em Paris para intensificar a luta na Síria e Iraque

49324af0b34c2031a3e60f1e1817617ad23a69ff.jpg

Agências de Notícias - publicado em 20/01/16

Os ministros pretendem estudar as medidas "necessárias para acelerar o ritmo" das operações

A coalizão liderada pelos Estados Unidos que luta contra o grupo jihadista Estado Islâmico (EI) na Síria e no Iraque se reúne nesta quarta-feira em Paris com o objetivo de mobilizar mais recursos militares.

Os ministros da Defesa dos sete países que participam na campanha aérea e no treinamento das forças iraquianas (Estados Unidos, França, Austrália, Grã-Bretanha, Alemanha, Itália e Holanda) terão o encontro na sede do ministério francês da Defesa.

Envolvida militarmente na Síria, a Rússia não participa na reunião.

O encontro, copresidido pelos ministros francês, Jean-Yves Le Drian, e americano, Ashton Carter, permitirá fazer um balanço das ações da coalizão e e estudar pistas para intensificar a campanha militar, afirmaram fontes francesas.

Os ministros pretendem estudar as medidas “necessárias para acelerar o ritmo” das operações, segundo as mesmas fontes.

Iniciada em meados de 2014, a campanha foi afetada durante muito tempo pelos compromissos dispersos de seus membros, mas começa finalmente a dar frutos, segundo analistas. O EI sofreu derrotas em Kobane (Síria), Sinjar e mais recentemente em Ramadi (Iraque).

A reunião também abordará a situação na Líbia, onde o EI avança ao aproveitar o caos político que impera no país. No entanto, nenhuma proposta concreta a respeito deve ser apresentada, segundo uma fonte americana.

Os bombardeios foram intensificados no Iraque e na Síria desde os atentados de 13 de novembro em Paris, em particular contra as instalações de produção de petróleo, cujo tráfico é um dos principais recursos do EI.

Antes do início da reunião, Carter depositou flores na Praça da República de Paris em memória das vítimas dos ataques de novembro.

Tags:
Estado Islâmico
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia