Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 21 Abril |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

A carta de um sacerdote à sua sobrinha, que vai fazer a Primeira Comunhão sábado

AA345662

The Picture Desk

Robert McTeigue, SJ - publicado em 05/05/16

"Na Santa Missa, nós vemos que o amor de Jesus é mais forte que o pecado e a morte"

Você não se admira diante dos presentes de Deus que são a Santa Missa e a Santa Comunhão? Se você pudesse encontrar a si mesmo quando era jovem e se dizer o que sabe hoje sobre a Missa e a Comunhão, o que você diria?

No próximo sábado, a minha sobrinha de oito anos vai receber a Primeira Comunhão. Com a permissão de seus pais, torno pública a carta que escrevi para ela, como seu tio e como sacerdote, ainda que dolorosamente consciente do quanto as minhas palavras são pobres.

* * *

Querida Teigan,

Eu gostaria muito de estar com você e com a sua família na missa de sábado, em que você vai receber pela primeira vez a Sagrada Comunhão. Estou tão feliz por você! Como seu tio, eu gostaria de estar com a família em todos os nossos momentos especiais – e sábado será “especialmente especial”! Eu também sou sacerdote, como o Pe. J. na sua paróquia. Assim como ele, eu celebro missa, faço a homilia, ouço confissões. Como sacerdote, eu batizei você e a sua irmãzinha Brigid. Eu testemunhei quando a sua mamãe e o seu papai se casaram. E eu dei o sacramento dos enfermos aos meus pais, seus avós, antes de você nascer. Estou escrevendo a você, agora, como um tio orgulhoso e feliz e também como um sacerdote muito grato a Deus.

Eu sei que você é muito boa leitora e tenho certeza de que você entende muito do que estou lhe escrevendo hoje. Mas algumas coisas podem ser difíceis de entender direito. É por isso que eu gostaria que você lesse esta carta todos os anos, já que, à medida que for crescendo, você vai entender cada vez mais do que eu tenho a dizer.

Você sabe que, em nossa família, nós fomos ensinados a amar. Nós damos o nosso melhor para amar nossa família e nossos amigos, para amar o nosso próximo como a nós mesmos e, acima de tudo, para amar a Deus. Em nossa família, também aprendemos boas maneiras. Sabemos que é importante ser educados e respeitosos, dizer “por favor” e “desculpe”, e, principalmente, sabemos que é muito importante dizer “obrigado”.

Eu faço votos de que você aprenda por que o nosso maior e melhor “obrigado” deve ser para Deus, especialmente pelo presente da Santa Missa e de receber a Sagrada Comunhão. Na Missa, o nosso Pai celeste nos dá de presente a maior prova do seu amor por nós. Na Missa, nós vemos que o amor de Jesus é mais forte que o pecado e a morte. Na Missa, nós podemos entender um pouco do céu. Na Missa, quando recebemos dignamente a Sagrada Comunhão, estamos mais próximos que nunca do maior Amor: o próprio Jesus, Seu Corpo, Sangue, Alma e Divindade, sob as espécies do pão e do vinho.

Jesus nos ama tanto que quer viver em nosso corpo, mente, alma e coração. Quando estamos tão perto dele, podemos lhe falar do nosso amor, do que precisamos, de todas as pessoas que precisam de ajuda. E se O ouvimos, em silêncio e com muito cuidado, podemos escutar, sentir, conhecer a Sua bondade e o Seu amor por nós. Podemos ouvir a promessa de Jesus de ficar conosco e nos guiar para a casa do nosso Pai celestial, onde viveremos juntos para sempre.

Minha querida, eu espero que você sempre se lembre deste dia especial como o dia em que o seu coração se sentiu pleno pela primeira vez! Espero que você seja tão grata pelo presente da Santa Missa e da Santa Comunhão que deseje amar Jesus na Santa Missa todos os dias. E espero que você tenha certeza de que o melhor presente que pode dar a Deus é viver a Santa Missa com todo o seu coração e mente, mostrando a sua gratidão por meio da reverência e da atenção durante a celebração.

À medida que você for crescendo, eu faço votos de que vá gostando de adorar a Deus na Missa, também, com as mais elevadas palavras, músicas e arte. Espero que você seja grata pelas pessoas que adoram a Deus com você. E espero que você veja que, durante a Santa Missa, está junto com os anjos e santos que a convidam para a felicidade do céu.

Teigan, eu espero que você pense todos os anos sobre o que eu escrevi hoje, e que possamos conversar sobre isso a cada ano. Tenho muito mais a dizer, e tenho certeza de que você também. Estou ansioso para encontra você e a nossa família neste verão, quando poderemos celebrar a Santa Missa juntos.

Com muito amor,

Tio Bob

Tags:
Audiência GeralFamíliaPadres
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia