Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 25 Fevereiro |
Beato Sebastião Aparício
home iconAtualidade
line break icon

Raqa, a ‘cidade modelo’ do EI na Síria

<p>Soldados das forças de segurança iraquianas são vistos perto de Bagdá, no dia 27 de maio de 2015</p>

Agências de Notícias - publicado em 06/11/16

Raqa é a primeira grande região controlada pelo grupo Estado Islâmico (EI), e os extremistas quiseram torná-la uma “cidade modelo” de seu califado autoproclamado nos territórios conquistados na Síria e no Iraque.

“Raqa é a verdadeira capital do EI”, afirmou o secretário de Estado adjunto dos Estados Unidos, Anthony Blinken, pouco depois do início, no dia 17 de outubro, da operação para retomar Mossul, reduto dos extremistas no Iraque.

“A partir desta cidade, o Daesh planeja os ataques externos”, acrescentou, utilizando o acrônimo em árabe do EI, que está por trás de muitos atentados no mundo, sobretudo na França.

Para os dirigentes ocidentais, a erradicação do Estado Islâmico passa obrigatoriamente pela recuperação de Raqa, contra a qual a coalizão internacional anti-extremista realizou seus primeiros bombardeios em setembro de 2014.

Esta cidade, situada às margens do rio Eufrates, a 100 km da fronteira turca, contava com 240.000 habitantes antes do início do conflito na Síria, em 2011. Em 2013, foi a primeira capital provincial a cair nas mãos dos grupos armados contrários ao regime do presidente Bashar al-Assad.

No início de 2014, a organização que se converteria no EI meses mais tarde expulsou à força os outros grupos presentes na cidade.

– “Rotatória do inferno” –

O EI fará de Raqa a “cidade modelo” de seu califado autoproclamado nos territórios conquistados na Síria e no Iraque, explicava no ano passado Hicham al Hachimi, especialista em grupos islamitas.

O grupo quer administrá-la “como um governo central” que garanta uma polícia, uma justiça e serviços como educação.

Paralelamente, os habitantes de Raqa são vítimas de um regime de terror.

No centro da cidade, a rotatória Paraíso foi rebatizada como “rotatória do inferno” pelos habitantes, devido às execuções: cabeças decapitadas ou corpos crucificados são expostos com frequência por vários dias, uma forma que o EI encontrou de desencorajar qualquer dissidência.

Em outra praça da cidade, os extremistas vendem escravas sexuais, sobretudo integrantes da comunidade yazidi, uma minoria de língua curda considerada herege pelo EI.

Segundo testemunhos de militantes de grupos como “Raqa é Massacrada em Silêncio”, os extremistas proíbem os cigarros, obrigam os homens a deixar a barba crescer e as mulheres a usar o niqab, as roupas pretas que as cobrem da cabeça aos pés.

Colocaram em vigor novos programas escolares e para algumas profissões, como médicos, professores ou taxistas, foram aplicados testes sobre a sharia (lei islâmica).

Ali é proibida a venda de bebidas alcoólicas, assim como os manequins nas lojas, onde homens e mulheres não têm o direito de comprar juntos, salvo se estiverem casados.

Segundo os serviços de informação ocidentais, Raqa é uma das cidades sírias onde muitos extremistas estrangeiros chegaram.

Segundo Hashimi, estes últimos se beneficiam de um “tratamento preferencial” em relação à população local, “considerada inferior”.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Eucaristia
Reportagem local
Diocese afasta padre que convidou pastor para “concelebrar&...
2
Padre Paulo Ricardo
Nossos tempos são os últimos? A Irmã Lúcia responde
3
OPERA SINGER
Cerith Gardiner
Cantora de ópera faz apresentação incomum e homenageia Maria e as...
4
DOMINIKANIN, SZCZEPIONKA COVID
Jesús V. Picón
Padre desenvolve vacina contra Covid-19 para os pobres
5
SPANISH FLU
Philip Kosloski
Os poderosos conselhos do Padre Pio durante uma pandemia na Itáli...
6
FATHER RANIERO CANTALAMESSA
Vatican News
Cuidado com a hipocrisia: a pureza de coração é condição para ver...
7
NIEPOKALANE POCZĘCIE
Reportagem local
Nossa Senhora se ajoelha no Céu toda vez que rezamos esta oração
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia