Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Partidários ou adversários de Lula, rezemos todos juntos por dona Marisa

Agência Brasil
Compartilhar

Assim como rezamos por Thomaz, o filho do governador Geraldo Alckmin: as obras de misericórdia estejam sempre acima das divisões ideológicas

Com o Brasil vivendo um panorama de polarização político-ideológica de níveis extremistas, notícias como a do acidente vascular cerebral hemorrágico sofrido por dona Marisa Letícia, mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), podem ser reduzidas a apenas mais um estopim para as constantes explosões de irracionalidade, incivilidade e pequenez de espírito que costumam preponderar nesse tipo de cenário social.

Os sites de notícias que ainda se arriscam a permitir comentários, bem como as redes sociais, são indicadores suficientemente gráficos do ínfimo nível humano a que a polarização ideológica é capaz de rebaixar uma sociedade – ou grande parte dela.

Viram-se as mesmas mostras de pusilanimidade e mesquinhez no trágico acidente que matou Thomaz, o filho caçula do governador paulista Geraldo Alckmin (PSDB), em abril de 2015: um espetáculo de ódio partidarista incapaz de ser contido sequer na situação existencial que mais iguala todos os seres humanos; na situação do encontro com a eternidade, que poderia recordar a todos, com especial clareza, que a vida merece prioridades mais inteligentes do que envenenar o próprio sistema nervoso em vez de alimentá-lo com propostas e atos efetivamente construtivos.

Assim como naquela ocasião pediu-se a todos, partidários ou adversários de Alckmin, que elevassem as suas orações a Deus pelo eterno descanso de Thomaz e pela paz espiritual de sua família, também nesta ocasião se pede a todos, partidários ou adversários de Lula, que rezem de coração sincero pela saúde física e espiritual de dona Marisa e pelo bem de sua família.

Quando um cristão coloca perspectivas ideológicas à frente da própria essência da fé cristã, que consiste em amar a Deus acima de todas as coisas e ao próximo como a si mesmo, seja ele quem for, não é preciso mapear apostasias em comportamentos sociológicos, como tanto se tende a fazer hoje em dia, confundindo a mensagem de Cristo com a de um líder fariseu ou zelote qualquer.

QUADRO ESTÁVEL, MAS AINDA DE RISCO

A equipe médica do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, atribuiu o AVC sofrido por dona Marisa a uma possível crise hipertensiva. Com 66 anos de idade, a mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sem previsão de alta. O procedimento de emergência para conter a hemorragia no cérebro durou cerca de duas horas e saiu dentro do previsto, mas, de acordo com o Dr. Roberto Kalil Filho, chefe da equipe médica responsável pelo atendimento à ex-primeira-dama, dona Marisa ficará sob observação porque, “num quadro desses, sempre se corre risco“. A equipe estancou o sangramento e corrigiu o defeito na artéria.

ORAÇÃO PELOS ENFERMOS

Esta oração, publicada em anos passados pela Arquidiocese de São Paulo, é uma sugestão para aqueles que desejem realizar uma das obras de misericórdia espiritual que mais curam a alma – inclusive a do próprio cristão que a reza:

“Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância!” (Jo 10,10)

Senhor Jesus,
pela vossa palavra e pelos gestos de vossas mãos,
curastes cegos, paralíticos, leprosos e tantos outros doentes.
Animados pela fé, nós também vimos suplicar pelos nossos enfermos.

Dai-lhes, Senhor:

A graça da perseverança na oração, apesar do desânimo próprio da doença.

A graça da coragem para buscar a cura, mesmo depois de várias tentativas.

A graça da simplicidade para aceitar a ajuda dos profissionais, familiares e amigos.

A graça da humildade, para reconhecer as próprias limitações.

A graça da paciência nas dores e dificuldades do tratamento.

A graça de compreender, pela fé, a transitoriedade desta vida.

A graça de entender que o pecado é a maior de todas as enfermidades.

Que tenhamos todos a compreensão de que no sofrimento humano se completa vossa Paixão Redentora.

Se for para vossa glória, nós vos pedimos a cura de todos os nossos enfermos.

Amém.

São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.