Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 20 Abril |
São Leão IX
home iconAtualidade
line break icon

Estado Islâmico reivindica ataque ao hospital de Cabul

<p>Moradores observam ônibus, alvejado por atirador enquanto carregava funcionários de um hospital militar, em 15 de junho de 2014, em Adem, no Iêmen.</p>

Agências de Notícias - publicado em 08/03/17

"Rezem por nós", escreveu um médico no Facebook

O ataque contra o maior hospital militar do Afeganistão em Cabul terminou depois de seis horas de troca de tiros, indicaram nesta quarta-feira várias fontes das forças de segurança à AFP.

“O ataque terminou e todos os criminosos foram abatidos”, informou à AFP Sediq Sediqqi, porta-voz do ministério do Interior.

O grupo Estado Islâmico (EI) reivindicou o ataque.

“Um homem-bomba detonou explosivos diante do hospital militar. Vários criminosos entraram em seguida no edifício e continuam no local”, afirmou mais cedo à AFP uma fonte militar que pediu anonimato.

Os criminosos, com uniformes da equipe médica, entraram no hospital e atiraram à queima-roupa, afirmaram testemunhas.

“Estava trocando de quarto quando vi um homem com roupa de médico e que atirava com um fuzil AK-47 contra os guardas e os pacientes no terceiro andar. Consegui escapar, mas um amigo ficou ferido”, declarou à AFP o enfermeiro Abdul Qadeer.

“Estamos levando os pacientes para áreas seguras”, disse à AFP Abdul Hakim, um dos diretores do centro médico.

“O hospital Sardar Daud Khan está sendo atacado. Sabemos que vários criminosos vestidos com uniformes médicos entraram no local”, afirmou o porta-voz do ministério da Defesa, o general Daulat Waziri.

“Enviamos reforços”, completou o porta-voz, que citou “vítimas” no local.

Os primeiros tiros e uma explosão foram ouvidos às 9H10 locais (1H40 de Brasília). Uma hora e meia depois o ataque prosseguia.

Às 10h35 e 10H45 novas explosões foram registradas.

“Estava preparando meus pacientes para uma cirurgia quando vi três homens armados vestidos como médicos”, contou um médico a um canal de televisão.

“Atiraram na minha direção, mas consegui escapar. Os criminosos estão no hospital, tentamos controlar a situação”, completou.

“Rezem por nós”, escreveu outro médico no Facebook.

O hospital atende tanto os integrantes das forças de segurança como os insurgentes.

O primeiro-ministro Abdullah Abdullah citou “várias vítimas”, sem revelar detalhes.

O ataque acontece uma semana depois dos atentados suicidas de 1º de março contra duas sedes das forças de segurança de Cabul – da polícia e do Serviço de Inteligência (NDS) -, que deixaram 16 mortos e mais de 100 feridos.

A ação da semana passada foi reivindicada pelos talibãs.

(AFP)

Tags:
Estado IslâmicoGuerraMundoTerrorismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
Ordenação sacerdotal
Francisco Vêneto
Ex-testemunha de Jeová será ordenado padre católico aos 25 anos
3
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
4
BENEDICT XVI
Reportagem local
Em nova e extensa biografia, Bento XVI desmascara o atual “...
5
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
6
Reportagem local
Hoje celebramos Santa Bernadette, a menina que viu Nossa Senhora ...
7
Papa Bento XVI
Reportagem local
Bento XVI faz 94 anos e é o primeiro Papa a atingir essa idade na...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia