Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 16 Abril |
Santa Maria Bernarda (Bernadete) Soubirous
home iconPara Ela
line break icon

Por que é importante ler para o bebê durante a gravidez?

Amelia Fox

Monica Costa - publicado em 22/05/17

Do que adianta ler para um bebê, se ele não entende nada?

Muito tem se falado sobre a importância da audição dos bebês durante a gestação. Eles gostam de música tranquila, não muito estridente. É melhor Mozart do que Bethoven. Os sons bruscos os assustam. Os bebês também consegue identificar o som da voz da mamãe, do pai, dos irmãos. Por isso é tão importante conversar com eles. Mas podemos ler historinhas e contos para eles? Para que serve isso, se eles não entendem o idioma que estão ouvindo?

A audição é o sentido que mais se desenvolve dentro do útero. Nas três primeiras semanas, o embrião começa a “sentir” sons através dos arcos branquiais, que pouco a pouco vão se transformando nos ouvidos, com os quais ele poderá ouvir de verdade a partir da 12.ª semana de gestação. A partir disso, o bebê começa a ouvir os batimentos cardíacos, a respiração e a digestão da mãe.

A partir do sexto mês, já é possível perceber sons externos e eles começam a distinguir a voz de sua mãe das de outras mulheres. Há estudos que comprovam que o coração do bebê acelera quando ele ouve a voz da mãe e, por outro lado, fica inalterado quando ouve a voz de outra mulher.

A gestação não é só um período de formação física do bebê, mas também de criação de vínculos afetivos. E a audição é um dos sentidos mais efetivos para conseguir isso. É normal sentarmos para conversar com o bebê que está em nossa barriga, cantar e colocar música para ele, chamá-lo pelo nome, explicar como será a vida dele e de sua família… Mas uma das técnicas menos utilizadas é a de ler historinhas e, no entanto, é um método muito útil.

Obviamente o bebê não entende a linguagem nem o conteúdo do que estamos lendo. Mas percebe que alguém está lendo para ele e isso pode proporcionar-lhe alguns benefícios: vai ser mais fácil aumentar o vocabulário dele (porque algumas palavras lhe soarão familiares), facilitará o aprendizado, ajudará a reconhecer vozes familiares e a distinguir melhor as modulações de voz (o que lhe será muito útil no momento do nascimento, em que terá de ser tranquilizado). Além disso, ler para o bebê dentro da barriga permite a criação de vínculo com a mãe e com o pai. Alguns estudos apontam que, quando o hábito da leitura permanece até que a criança cresça, o desenvolvimento cognitivo é melhor.

Para os bebês, é importante que este hábito seja saudável; nunca uma obrigação, porque as obrigações transmitem sentimentos negativos. O que é certo é que uma leitura de vez em quando não ajuda muito. Por isso, é melhor ler um pouco a cada dia, ao invés de ler um montão somente uma vez na semana. É preciso também escolher o momento, que deve ser uma hora de paz e tranquilidade, sem pressa, já que você vai se conectar com seu filho para contar histórias de emoções, aventuras, amor e superação.

Mas você deve estar se perguntado: o que ler para meu bebê? A verdade é que não importa o que você leia, apesar de ser recomendado ler contos infantis, porque o vocabulário é mais simples e porque a narrativa permite mais alterações de voz. Se gostamos do que lemos, transmitiremos ao bebê entusiasmo, paixão, carinho, segurança e proteção.

Tags:
GravidezLiteraturaMaternidade
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
3
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
4
Frei Jorge e o cãozinho frei Carmelito
Francisco Vêneto
Humanizar os animais não é amá-los, pois desrespeita sua natureza...
5
São José e a Sagrada Família
Reportagem local
Oração a São José para nos guiar “no caminho da vida”
6
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia