Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconEspiritualidade
line break icon

Como era a vida espiritual de Santa Teresa de Calcutá?

© Terry Fincher/Gettyimages

ACI Digital - publicado em 21/06/17

Entre outras coisas, ela era sempre a primeira a chegar à capela para demonstrar a Jesus quanto o amava

A Madre Teresa de Calcutá era a primeira a chegar à capela de sua casa às 5h para começar o dia em oração. A Missa diária e a confissão semanal foram os elementos básicos da vida espiritual da futura santa.

Na véspera da sua canonização, a irmã Mary Prema, segunda sucessora da Beata como superiora das Missionárias da Caridade, e o postulador de sua causa, Pe. Brian Kolodiejchuk, estiveram na sexta-feira no Vaticano e revelaram vários detalhes da intensa relação de Madre Teresa com a oração.

“Na vida das religiosas, o amor de Jesus era sempre colocado em prática. Durante a oração, às 5 da manhã, ela era sempre a primeira a chegar à capela para demonstrar a Jesus quanto o amava”, explicou Irmã Prema.

“Depois da oração e da Missa, ela estava preparada para ajudar a todos. Dedicava todo o seu tempo a dar instruções às irmãs de como viver de modo prático esta experiência de espiritualidade, de abandono frente ao Senhor”, acrescentou.

“Cada vez que fracassávamos em algo, ela sempre nos exortava a continuar. Eu sempre senti esta proximidade dela, sempre nos levava cada vez mais perto de Jesus e da Virgem Maria”.

Por sua parte, o Postulador da Causa, o Pe. Brian Kolodiejchuk, expressou que “é justo que Madre Teresa seja canonizada neste Ano da Misericórdia, porque ela era consciente da misericórdia de Deus e da pobreza”.

“Este Ano nos recorda que frente a Deus todos procuramos misericórdia, somos como mendicantes que temos necessidade de amor, perdão e misericórdia”.

O sacerdote revelou que “ela se confessava regularmente pelo menos uma vez por semana”. “Não via a confissão como uma rotina, mas a importância deste encontro da misericórdia. Conhecia as debilidades humanas e devo dizer que era particularmente agradecida pelo fato de que seus pecados e debilidades pudessem ser perdoadas graças ao amor de Deus”.

Sobre a sua crise de fé, explicou que, graças à “escuridão que sofreu, começou a depender da misericórdia de Deus e, ao saber que havia experimentado esta misericórdia, era consciente de ter que dá-la aos outros”.

“Fez votos de nunca rechaçar Jesus. Compreendia o que significava a escuridão para ela”, assegurou.

Irmã Prema também falou sobre a “noite escura” ou crise de fé que a Madre Teresa sofreu durante algum tempo, assim como muitos santos. “Ela não falava desta experiência de escuridão, pelo menos para mim, mas não nos surpreende porque o amor e a profundidade deste abandono a Deus eram uma experiência muito importante e pessoal. Para ela, abandonar-se a Deus era muito importante”.

Irmã Prema acrescentou que “seu sorriso era o melhor presente para Jesus e para nós mesmas. As pessoas, ao verem este sorriso, não sentiam tristeza no coração e entendiam que dela derivava uma esperança e amor pelo Senhor”.

A respeito de como vivia sua pobreza, a superiora explicou que “era muito simples, muito atenta a não ter nada em particular, nada extra”. “Sempre era muito obediente e, quando o médico receitava alguns remédios para ela, obedecia às indicações”.

“Ela pensava que todos fomos criados para amar e ser amados” e isto “o demonstrava às pessoas”.

(via ACIdigital)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Madre TeresaSantos
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia