Aleteia
Terça-feira 27 Outubro |
São Fulco
Atualidade

Onde não há honra pelos idosos, não há porvir para os jovens

Projeções de Fé - publicado em 28/07/17

Uma reflexão à luz do filme "Um senhor estagiário"

UmSenhorEstagiárioNão desprezes os ensinamentos dos anciãos, dado que eles os aprenderam com os seus pais. Estudarás com eles o conhecimento e a arte de responder de modo oportuno.” (Eclo 8, 11-12)

Sinopse:A história acompanha Jules (Anne Hathaway), uma bem-sucedida dona de um site de moda, que é abalada pela notícia de que terá que contratar um estagiário. Por uma questão social, os idosos precisam voltar a ativa. Nesse contexto, a moça passa a contar com Ben (Robert de Niro), um senhor de 70 anos que busca novos desafios.

O filme tem dois atores consagrados, Robert de Niro (72 anos) e Anne Hathaway (32 anos) fazendo papéis de personagens com idades semelhantes às deles, mas com realidades diferentes.

Ben (de Niro) é um senhor de 70 anos que se sente sozinho e inútil, que encontrou uma chance de se tornar estagiário em uma empresa formada apenas por jovens e em um ramo que ele não conhecia. Não teve medo e foi à luta, decidido a “ser alguém” de novo. Este sentimento de solidão e de inutilidade acontece na vida de muitos idosos, que chegam a ser esquecidos (ou até mesmo jogados em algum lugar) porque eles atrapalham a vida corrida de seus filhos ou parentes. Não é à toa que muitos não querem parar de trabalhar, mesmo se tiverem condições financeiras para se aposentarem, e fazem isso para se sentirem úteis.

A indiferença aos idosos machuca sua vidas, logo eles que, assim como os jovens e adultos de hoje, muito lutaram para ser alguém para outras pessoas.

Como muito bem colocou o Papa Francisco (audiência geral, 04/03/15), nós devemos pensar nos idosos como parte da sociedade, não podemos desprezá-los:

A Igreja não pode e não quer conformar-se com uma mentalidade de intolerância, e muito menos de indiferença e de desprezo, em relação à velhice. Devemos despertar o sentido comunitário de gratidão, de apreço e de hospitalidade, que levem o idoso a sentir-se parte viva da sua comunidade.

Os anciãos são homens e mulheres, pais e mães que antes de nós percorreram o nosso próprio caminho, estiveram na nossa mesma casa, combateram a nossa mesma batalha diária por uma vida digna. São homens e mulheres dos quais recebemos muito. O idoso não é um alieno. O idoso somos nós: daqui a pouco, daqui a muito tempo, contudo inevitavelmente, embora não pensemos nisto. E se não aprendermos a tratar bem os anciãos, também nós seremos tratados assim.

Este filme nos ajuda a ver que eles merecem nossa atenção, nosso respeito e nossos cuidados. Que após ver o filme, possamos notar que os idosos que estão em nossas vidas não estão mortos, não são como sofás velhos e gastos que devam ser descartados, mas que são pessoas vivas que precisam de atenção e carinho.

Só que o filme não é apenas sobre Ben, temos uma grande mulher moderna protagonizada por Anne Hathaway. Jules criou seu próprio negócio, em 1 ano e 6 meses transformou em uma grande empresa, mas para isso sacrificou muito de sua vida pessoal e afetou sua família (esposo e filha pequena), ainda que em alguns momentos a culpa não seja dela. Autossuficiente, não é de aceitar ajuda ou conselhos, e é aí que entra Ben, que, a seu modo, e com a experiência de vida adquirida pelos anos, resolve ajudá-la.

O Papa Francisco (audiência geral, 11/03/15) já aponta que os idosos têm um papel fundamental para os jovens, fruto de sua experiência de vida, e auxiliar os mais jovens a evitar caminhos errados:

Podemos recordar aos jovens ambiciosos que uma existência sem amor é uma vida árida. Podemos dizer aos jovens medrosos que a angústia em relação ao futuro pode ser derrotada. Podemos ensinar aos jovens demasiado apaixonados por si mesmos que há mais alegria em dar do que em receber.

Esta produção serve para mostrar a importância que devemos dar aos idosos, ouvindo seus conselhos, dando-lhes carinho e, ao mesmo tempo, nos traz um alerta de que o trabalho e o sucesso não podem sacrificar nossa vida pessoal, muito menos nossa família.

Um filme gostoso de assistir, uma comédia sobre as nossas vidas com boas pitadas de humor. Vale muito a pena ser assistido e aprender com ele. Lembre-se da indicação para maiores de 10 anos.

Ficha técnica:

Gênero: Comédia

Direção: Nancy Meyers

Roteiro: Nancy Meyers

Elenco: Adam DeVine, Anders Holm, Andrew Rannells, Anne Hathaway, Annie Funke, C.J. Wilson, Celia Weston, Christina Brucato, Christina Scherer, Christine Evangelista, Drena De Niro, Erin Mackey, Jason Orley, JoJo Kushner, Julee Cerda, Linda Lavin, Liz Celeste, Maria Di Angelis, Mary Kay Place, Molly Bernard, Nat Wolff, Nikki Granatell, Paulina Singer, Peter Vack, Reid Scott, Rene Russo, Robert De Niro, Steve Vinovich, Wallis Currie-Wood, Zack Pearlman

Produção: Nancy Meyers, Scott Rudin, Suzanne McNeill Farwell

Trilha Sonora: Theodore Shapiro

Duração: 121 min.

Ano: 2015

País: Estados Unidos

Distribuidora: Warner Bros.

Estúdio: Worldview Entertainment

Classificação: 10 anos

Trailer

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=jHG8TaEBhKI?version=3&rel=1&fs=1&showsearch=0&showinfo=1&iv_load_policy=1&wmode=transparent%5D

(Projeções de Fé)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Cinema
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
São Padre Pio de Pietrelcina
Oração de cura e libertação indicada pelo exo...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia