Aleteia

Pastor pede perdão pela ofensa à imagem de Nossa Senhora Aparecida

Compartilhar

Um vídeo no qual o pastor comenta a ofensa feita a Maria, ao compará-la com uma garrafa de Coca-Cola

O apóstolo Agenor Duque pôs um fim na polêmica que voltou à tona recentemente, reacendendo a ira de alguns católicos contra ele, após ter blasfemado contra a Padroeira do Brasil em culto na sua igreja.

Trata-se de um vídeo em que ele comparou Nossa Senhora Aparecida a uma garrafa de Coca-Cola. O caso repercutiu em toda a web e ficou em pauta por várias semanas.

O Deputado Federal Flavinho, fez uma live (ao vivo) em seu perfil no Facebook juntamente com o Pastor retratando o pedido de perdão do Pastor Agenor Duque com relação à ofensa a imagem de Nossa Senhora Aparecida e a fé católica.

O encontro aconteceu “neste dia providencial de Nossa Senhora das Dores”, disse o Deputado.

O apóstolo voltou a pedir desculpas pelo que disse, reconheceu o erro e recebeu o abraço do deputado que representou a igreja.

Assista:

(Se não conseguir visualizar o vídeo, clique aqui)

 

(Via Nossa Senhora cuida de mim)

Boletim
Receba Aleteia todo dia