Aleteia
Terça-feira 20 Outubro |
São Cornélio
Atualidade

Extremista belga é condenado à morte no Iraque por pertencer ao Estado Islâmico

ATAK TERRORYSTYCZNY W EGIPCIE

AP/EAST NEWS

Agências de Notícias - publicado em 22/05/18

Um extremista belga que lançou ameaças em vídeos contra a Bélgica e a França foi condenado à morte por enforcamento, nesta terça-feira (22), no Iraque, por pertencer ao grupo Estado Islâmico (EI).

Tarik Jadaoun, belga de origem marroquina nascido em 1988, juntou-se ao grupo ultrarradical EI em 2014 sob o nome de guerra de Abu Hamza al-Belgiki.

Nos vídeos gravados por ele, Jadaoun lança um apelo para que outros extremistas ataquem a Europa. Ele foi apelidado de “novo Abaaoud”, em referência a seu compatriota Abdelhamid Abaaoud, um dos supostos organizadores dos atentados de 13 de novembro de 2015 na França.

Em um comunicado publicado pouco depois do veredicto, o porta-voz do Conselho Supremo de Magistratura, juiz Abdel Sattar Bayraqdar, apresentou o condenado como “um dos terroristas estrangeiros mais procurados por ter combatido na Síria e no Iraque nas fileiras do grupo terrorista” EI.

Tarik Jadaoun tem 30 dias para recorrer da decisão e, passado este prazo, a pena de morte poderá ser aplicada.

Durante a primeira audiência de seu julgamento no tribunal criminal central de Bagdá, em 10 de maio, Tarik Jadaoun se declarou “inocente” e disse aos juízes que “havia se desviado”.

“Eu não era combatente, dirigia uma unidade de enfermeiros do EI e cuidava de todo mundo. Trabalhei no hospital al-Jumhuriya de Mossul e em hospitais de campanha em Makhul e Beïji”, havia assegurado.

“Eu me desvie e peço clemência”, acrescentou na ocasião, ressaltando que “não teve escolha” a não ser fazer os vídeos, porque um “dos principais líderes do EI me pediu”.

Nesta terça-feira, o homem, que se sentou no banco dos réus vestido com o uniforme da prisão, cabeça raspada e uma impressionante barba preta, não se defendeu.

O juiz primeiro leu a lista de acusações, que inclui seu papel como combatente do grupo EI e sua entrada ilegal em território iraquiano, antes de perguntar se ele queria acrescentar alguma coisa. “Não”, foi a resposta concisa de Jadaoun.

Ele então foi condenado a ser “enforcado até a morte conforme o artigo 4 da lei antiterrorista”. Jadaoun perdeu o sorriso, e seu rosto pareceu desmoronar.

A audiência durou menos de dez minutos, segundo o jornalista da AFP.

O juiz forneceu a Jadaoun, que se expressava em árabe, um advogado de ofício durante a abertura do julgamento.

No total, mais de 300 pessoas, entre elas uma centena de estrangeiros, foram condenadas à morte no Iraque, e outras tantas à prisão perpétua, por pertencerem ao Estado Islâmico, segundo fontes judiciais.

Entre os estrangeiros, a maioria dos condenados é turca, ou cidadãos das ex-repúblicas da União Soviética. Recentemente, foram condenadas à prisão perpétua uma alemã e uma francesa.

Quarto país no mundo em termos de execuções, segundo a Anistia Internacional, o Iraque já executou cidadãos estrangeiros, ou com dupla nacionalidade, por atos cometidos dentro de organizações com a Al-Qaeda. Mas, até à data, nenhum cidadão de um país ocidental condenado à morte por pertencer ao EI foi executado.

Por violar a fronteira do país, Tarik Jadaoun também foi condenado a três anos de prisão e mais de 2.000 euros de multa.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Ellen Mady
Para Jesus não existe novena melhor do que es...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
ícone São Lucas Nossa Senhora Jesus médico
Reportagem local
Oração a São Lucas, evangelista e médico, pel...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
JENNIFER CHRISTIE
Jennifer Christie
Fui estuprada numa viagem a trabalho - e meu ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia