Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 25 Julho |
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

A religiosa que teve de pedir esmola para poder entrar no convento

LEONOR SANTA MARIA OCAMPO

Public domain

Esteban Pittaro - publicado em 23/05/18

Naquela época, era preciso pagar um valor alto para ingressar nos conventos

Dentro dos decretos recentemente promulgados pelo Papa Francisco referentes às virtudes heroicas de distintos “servos de Deus”, está o que reconhece uma compatriota dele: Leonor de Santa Maria.

Estamos falando de uma das personalidades mais destacadas da vida contemplativa argentina. Ela nasceu em Famatina e faleceu em Córdoba, província em que se entregou à vida de oração.

A irmã, cujo nome de batismo é Maria Isora Ocampo, nasceu em 15 de agosto de 1841 em uma família de notáveis patriotas, entre eles o Primeiro-General do Exército Argentino da época.

Órfã de mãe desde criança, ela aprendeu a amar os pobres e a fazer o possível para ajudá-los.

A vocação religiosa apareceu desde muito pequena, quando ela foi atraída por São Domingos de Gusmão e Santa Catarina de Siena.

Mas, naquele tempo, o ingresso no convento não era uma questão apenas de expressar a vontade. Por um lado, era preciso ter vaga. Por outro, a postulante deveria pagar um montante alto, o que Maria Isora conseguiu pedindo esmola (contra a vontade da família).

As portas do convento de Santa Catarina de Siena, em Córdoba, finalmente se abriram, e ela passou a adotar o nome religioso de Leonor de Santa Maria.

O convento é um dos poucos em solo americano que tem mais de 400 anos de história.

Fundado em 1613, é o primeiro convento contemplativo da Argentina e foi erguido quando Córdoba – considerada uma terra de beatos e santos – era apenas uma aldeia.

Leonor se entregou, como relata a família dominicana, “de maneira abnegada, alegre, silenciosa e caridosa”.

Ela nunca falou mal de ninguém e se aprofundou numa relação exemplar com Cristo.

Outro ponto que a família dominicana destaca sobre a vida de Irmã Leonor tem a ver com a frequência com que ela recebia o sacramento da Reconciliação. Somente aos seus confessores ela comunicava os dons com que Jesus a presenteava na oração. Eram “coisas muito grandes, mais para serem vividas do que para serem ditas”.

Humilde e paciente, sua fama de santa se deve às virtudes que os outros enxergavam nela e ao seu diário. Graças a ele, depois da morte de Irmã Leonor, todos foram conhecendo algumas das circunstâncias místicas que ela viveu em oração, como a que narra o dia em que ela abraçou Jesus em uma visão.

Com o reconhecimento das virtudes heroicas, Irmã Leonor de Santa Maria está mais próxima da beatificação, o que pode durar meses, anos ou décadas. Mas o reconhecimento é também uma oportunidade para voltarmos os olhares a uma religiosa contemplativa que soube se entregar a Cristo por inteiro e com muita humildade.

Tags:
IgrejasantidadeSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
Papa Francisco
Reportagem local
Papa: como não culpar Deus diante da morte de um ente querido
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
7
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia