Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins
home iconAtualidade
line break icon

Venezuela descarta cortar fornecimento de energia para Roraima

AVILA

Shutterstock-testing

Agências de Notícias - publicado em 23/09/18

O Estado compra a energia produzida na hidroelétrica venezuelana de Guri, através de uma linha de transmissão inaugurada em 2001

A Venezuela descartou nesta quinta-feira interromper o fornecimento de energia elétrica para o estado de Roraima, apesar da dívida de 40 milhões de dólares que, segundo o Brasil, não pode ser paga, devido às sanções dos Estados Unidos contra Caracas.

“O presidente Nicolás Maduro descartou por completo qualquer tipo de interrupção no fornecimento elétrico”, disse o chanceler Jorge Arreaza após uma reunião em Caracas com o líder venezuelano e a governadora de Roraima, Suley Campos.

Arreaza acrescentou que Maduro “se comprometeu a expandir e melhorar” o serviço para o estado brasileiro, e atribuiu a boatos a versão de que a falta de pagamento se deve ao “bloqueio” econômico de Washington.

Suely Campos celebrou a decisão de Maduro de garantir a manutenção do “contrato de restabelecimento de energia elétrica” para Roraima.

“O presidente garantiu que vamos seguir contando com esta aliança, e com uma qualidade muito melhor”, disse a governadora de Roraima à TV estatal venezuelana.

No dia 28 de agosto, o chanceler Aloysio Nunes confirmou à AFP que o Brasil negociava com Caracas para evitar que a estatal Corpoelec cortasse a luz de Roraima pelo dívida de 40 milhões de dólares, em razão das sanções de Estados Unidos e União Europeia que complicavam o pagamento via instituição bancária.

Roraima, afetado pela crise migratória provocada pela chegada em massa de venezuelanos, é o único dos 27 estados da União não conectado ao sistema elétrico brasileiro.

O Estado compra a energia produzida na hidroelétrica venezuelana de Guri, através de uma linha de transmissão inaugurada em 2001 pelos então presidentes Hugo Chávez e Fernando Henrique Cardoso.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia