Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 15 Abril |
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

“Vovó Peregrina” de 95 anos chega à Basílica de Nazaré após 30 dias de caminhada

Vovó Peregrina Emma Morosini

Basílica de Nazaré / Twitter (Reprodução)

Aleteia Brasil - ACI Digital - publicado em 18/02/19

Ela faz peregrinações mundo afora em agradecimento pela graça de uma cura obtida quando já tinha 70 anos

A ACI Digital publicou na última sexta-feira, 15 de fevereiro, uma detalhada matéria sobre a “Vovó PeregrinaEmma Morosini, uma italiana de 95 anos que se tornou conhecida por fazer grandes peregrinações a santuários marianos, mundo afora, em agradecimento por uma cura: naquele dia, a perseverante senhora acabava de chegar à Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, em Belém, no Pará, depois sair de São Luís, no Maranhão, e enfrentar 30 dias de caminhada.

Decisão repentina

E ela nem sequer tinha planejado esta peregrinação: Emma veio ao Brasil para os 50 anos de consagração religiosa de uma amiga missionária, a irmã Donata, em São Luís. Foi a religiosa quem lhe falou do Santuário de Nossa Senhora de Nazaré – e foi então que a vovó Emma decidiu fazer a peregrinação, contando ao longo de todo o caminho com a companhia de voluntários e dezenas de outros fiéis.

No Seminário São Pio X, em Belém, ela deu um testemunho em que relatou colocar-se a caminho “com confiança”, experimentando “a providência de Deus”:

“Ofereço a minha peregrinação também pelos sacerdotes, porque eles são o sal da terra e a luz do mundo; também pelos jovens, que nos dias atuais estão cada vez mais distantes de Deus. Eles precisam das nossas orações”.

A chegada

Na manhã da sexta-feira, ela completou o último trecho da peregrinação rumo à Basílica Santuário de Nazaré, acompanhada por outros peregrinos. A cada hora, todos faziam uma pausa para que Emma pudesse se alimentar: leite, água, frutas e torradas.


Belém do Pará Círio de Nazaré

Leia também:
Brasil: as duas Beléns, unidas por uma só fé em Nossa Senhora de Nazaré

Ao chegar ao templo, a italiana foi recebida pelo pároco, o pe. Giovanni Incampo, também italiano, e pelo diretor coordenador do Círio de Nazaré, Cláudio Acatauassú, que levou a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré até a devota. Emma entrou então na basílica e pôde rezar diante da imagem original de Nossa Senhora de Nazaré.

O pe. Giovanni comentou:

“Nós apreciamos esta milagrosa presença de Emma Morosini, que, a pé, com a sua bela idade de 95 anos, está fazendo esta peregrinação mundial. É um milagre de fé. Por isso nós estamos emocionados pela presença dela! Que ela contagie a todos nós com essa fé”.

Por sua vez, Emma se revelou admirada de, aos 95 anos, poder realizar esta peregrinação ao Santuário de Nossa Senhora: foi uma alegria, para ela, não apenas chegar ao destino, mas ter sido acompanhada “por uma multidão de pessoas” que alimentam a sua fé.

“Esta peregrinação foi sustentada pela oração de vocês”.

A história de Emma

Em 1994, Emma Morosini tinha 70 anos quando foi diagnosticada com peritonite, inflamação do tecido que reveste a parede interna do abdômen e recobre a maioria dos órgãos dessa região. Após atribuiu a cura à intercessão de Nossa Senhora e, desde então, começou a peregrinar a lugares marianos do mundo todo.

Já visitou, entre outros, o santuário de Lourdes, na França, o de Fátima, em Portugal, o de Luján, na Argentina, o de Guadalupe, no México, e o de Aparecida, no Brasil, sempre rezando pela paz, pela restauração das famílias e pela proteção dos jovens.

Em 2015, foi recebida pelo Papa Francisco no Vaticano. Ele abençoou a “Vovó Peregrina” e a incentivou a continuar rezando “pelos jovens, pelas famílias e pelos enfermos”.

_________

A partir de matéria da ACI Digital

Tags:
BrasilDevoçãoNossa Senhoraperegrinacao
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia