Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Não consegue parar de comer doces? A Bíblia tem ótimos conselhos

SKITTLES,CANDY,TABLE
Compartilhar

Existe algo mais do que simplesmente resistir à tentação

Se você gosta de doces, então você sabe o quão difícil é reduzir o desejo pelo açúcar. Você pode querer reduzir a quantidade de doce ou chocolate que você ingere por razões de saúde. Ou talvez esteja tentando desistir completamente durante a Quaresma (você já está na metade do caminho!). Mas, independentemente do motivo, pode ser extremamente difícil, especialmente com tantas guloseimas tentadoras por aí.

Você pode nem imaginar que a Bíblia tenha algo a dizer sobre isso, mas tem, porque a Palavra de Deus está sempre nos convidando a olhar mais profundamente para as questões cotidianas com as quais nos confrontamos. Há muitas passagens nas Escrituras, especialmente em Coríntios, onde somos lembrados de que abdicar de algumas coisas favoritas pode servir a muitos propósitos.

Primeiro, há este lembrete de que precisamos respeitar nossos corpos e tratá-los bem:

Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? (1 Coríntios 6,19).

As Escrituras também nos lembram que, ao olhar para Deus para fortalecer nossa força de vontade, isso nos dá a chance de crescer em nossa fé Nele e permitir que Ele demonstre Seu poder em nossas fraquezas:

E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.
Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte. (2 Coríntios 12,9-10).

E, finalmente, optando por resistir às coisas que são facilmente acessíveis a nós, provamos a nós mesmos que somos capazes de tomar decisões certas. Para cada vez que dizemos “não” àquele pequeno doce, estamos dizendo “sim” para um caminho melhor.

Portanto, mantenha o bom hábito e, se precisar de um pouco de ajuda em sua luta contra o açúcar, arme-se com esse conselho de São Paulo:

Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.
Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça;
E calçados os pés na preparação do evangelho da paz;
Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.
Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus. (Efésios 6,13-17).

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.