Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 04 Agosto |
São João Maria Vianney
home iconCultura e Viagem
line break icon

Trindade, a capital goiana da fé

Assim como outros Santuários, o Santuário do Divino Pai Eterno cancelou celebrações públicos e a tradicional romaria

Mário Scandiuzzi - publicado em 09/06/19

Festa do Divino Pai Eterno deve reunir milhões de devotos; saiba como se preparar para a romaria

Trindade, em Goiás, é considerada uma capital da fé. A cidade é sede da única basílica do mundo dedicada ao Divino Pai Eterno. E entre o fim de junho e o início de julho, recebe cerca de 3 milhões de fiéis durante a maior festa religiosa do Centro-oeste do Brasil – e uma das maiores do país.

A devoção

A devoção começou por volta do ano de 1840, quando o casal Constantino e Ana Rosa Xavier encontrou na lavoura um medalhão de barro com a estampa da Santíssima Trindade – Pai, Filho e Espírito Santo – coroando Nossa Senhora. Essa Imagem foi levada para a casa deles e a partir de então, começaram a oração do terço em família. Logo os vizinhos também participaram destes momentos de fé e não demorou para que a notícia se espalhasse, e muitas graças foram alcançadas através desta devoção.

Poucos anos depois, o senhor Constantino Xavier foi até a cidade de Pirenópolis, distante 120 kilômetros, para encomendar uma réplica da figura estampada no medalhão, só que em tamanho maior. Porém o artista plástico Veiga Valle fez uma imagem de madeira, com aproximadamente 30 centímetros. Sem dinheiro para pagar pela obra, Constantino deixou o próprio cavalo em troca. A partir daí voltou a pé para Trindade. Na chegada, foi recebido com muita comemoração, surgindo uma das tradições desta festa: a romaria ao Santuário.

A romaria

De Goiânia a Trindade são 18 kilômetros na chamada Rodovia dos Romeiros. Mas além da capital do estado, devotos também partem de outras cidades rumo a Trindade, para cumprir os votos de fé e agradecer as graças alcançadas.
Essa manifestação de fé registrada em Goiás pode ser vista em várias partes. A romaria é uma das mais antigas formas de devoção e pode ser comparada à nossa própria vida. O destino geralmente é uma igreja ou um santuário. A nossa vivência deve ter como meta o Reino de Deus. Para alcançar este objetivo, é preciso decisão. Deixar o comodismo, sair da zona de conforto, e fazer aquilo que é necessário para que este projeto seja realizado. Isso exige planejamento, uma preparação e um roteiro.
Como a ideia da romaria é caminhar, é preciso pensar na bagagem. Ter em mente que o peso extra vai exigir mais esforço, por isso deve-se levar somente o essencial. Verificar se no percurso tem pontos de apoio, acesso a água e alimentação, e atendimento médico, se necessário.
A vontade é o primeiro passo, mas não deve ser o único. Para fazer uma romaria é preciso atenção ao corpo e à mente. Quem se propõe a fazer uma romaria à pé deve começar a preparação com antecedência, buscando o condicionamento físico para encarar o percurso. Para isso, é recomendado fazer exames médicos antes de começar qualquer atividade física e buscar ajuda de um profissional que oriente as melhores formas de se exercitar.
Durante o percurso, é preciso ficar atento à hidratação e alimentação. O mais indicado é a ingestão de comidas leves.
Procure iniciar a caminhada bem cedo e, se possível, evite os horários em que o sol estiver mais quente.
Nas estradas, caminhe sempre no sentido contrário ao dos veículos.
Se estiver em grupo, ande em fila indiana. Use roupas claras e colorida, com faixas reflexivas, para aumentar a visibilidade.
Se tiver um veículo de apoio durente a romaria, ele deve estacionar em postos de combustíveis ou pontos de apoio, e não no acostamento da rodovia.
As paradas para descanso e alimentação devem ser feitas em local seguro.
No mais, aproveite ao máximo este momento para refletir sobre sua vida e sua vivência na fé. Reze bastante e peça a proteção de Deus nesta jornada.
Tags:
MariaperegrinacaoSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
Gritos levam polícia à casa de dois idosos, que choravam copiosam...
2
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento a si mesmo e ao seu...
3
Philip Kosloski
Mesmo com ouro e glória, Michael Phelps foi ao fundo do poço – ma...
4
MAN
Reportagem local
Oração da noite para serenar o espírito e pacificar a ansiedade
5
Pe. Edward Looney
Padre revela: por que sempre levo água benta comigo ao viajar
6
sacerdotes
Reportagem local
Suicídio de sacerdotes: desabafo de padre brasileiro comove as re...
7
Princesa Diana no Accord Hospice
Reportagem local
Um padre católico acompanhou a princesa Diana na madrugada de sua...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia