Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 02 Dezembro |
São Cromácio de Aquileia
home iconAtualidade
line break icon

Cardeal preso injustamente escreveu diário de 1000 páginas na prisão

Cardeal George Pell

AFP/EAST NEWS

Francisco Vêneto - publicado em 19/10/20

O cardeal foi condenado por abusos sexuais e inocentado por unanimidade após mais de um ano de cadeia

Cardeal preso injustamente escreveu diário de 1000 páginas na prisão: trata-se do cardeal George Pell, que lançará em janeiro de 2021 o primeiro volume da obra.

Em março de 2019, Pell foi o mais alto clérigo da Igreja Católica a ser preso por abuso de menores. O julgamento, porém, foi marcado por lacunas graves e por “improbabilidades que não haviam sido totalmente consideradas pelo júri”, conforme o próprio Supremo Tribunal da Austrália reconheceu posteriormente.

Por isso, em abril de 2020, a corte suprema da Austrália anulou a condenação por abuso sexual contra o cardeal. A decisão, aliás, foi unânime: 7 votos a zero. Assim, o purpurado de 78 anos foi finalmente libertado após mais de um ano de prisão.

Ao ser solto, o cardeal Pell divulgou um comunicado em que declarava:

“Sempre defendi minha inocência enquanto sofria uma grave injustiça”.

De fato, a sentença anulada o condenara a nada menos que 6 anos de prisão.

Cardeal preso injustamente

Os 3 ou 4 volumes previstos totalizarão cerca de mil páginas. Segundo a editora Ignatius Press, o diário do cardeal se tornarão “um clássico da espiritualidade”.

A obra incluirá desde as conversas de Pell com seus advogados até considerações sobre a reforma do Vaticano, a política norte-americana e os esportes.

O pe. Joseph Fessio, editor da Ignatius Press, declarou sobre o novo livro:

“Já li a primeira metade do diário e é extraordinário. Creio que será um clássico espiritual. O diário completo tem cerca de 1000 páginas. Por isso, vamos imprimi-lo em 3 ou 4 volumes”.

Além de reparar a memória do cardeal após a injustiça sofrida, o projeto tem o propósito paralelo de angariar fundos para ajudá-lo a quitar dívidas decorrentes do processo. Isto, segundo o pe. Fessio, também servirá para sanar “grande parte das preocupações do cardeal”.

Tags:
Abusos SexuaisCardeaisIgreja CatólicaJustiçaPerseguição
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
PERU
Pablo Cesio
Peru: o menino de 6 anos que reza a Deus de j...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
Papa Francisco
Reportagem local
A oração diária de Advento que o Papa Francis...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia