Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 17 Abril |
Santa Catarina Tekakwitha
home iconReligião
line break icon

Para que servem os padres?

CONFIRMATION

Pascal Deloche | GODONG

Juan Ávila Estrada - publicado em 19/11/20

Será que os sacerdotes são realmente necessários em nossa vida, ou podemos chegar a Deus sozinhos, sem intermediários?

Em um mundo que exalta o valor do light e do instantâneo, também o âmbito da fé tem estado sob a ameaça do mais fácil, efêmero e superficial. Por isso, encontramos pessoas que acham que, para chegar a Deus, não há necessidade de intermediários.

Os que constroem uma fé cômoda e “do seu jeito”, acabam desprezando os sacramentos e o ministério sacerdotal. Apesar de que cada relação com Deus é personalizada, há “homens escolhidos entre os homens e constituídos a favor dos homens como mediadores nas coisas que dizem respeito a Deus, para oferecer dons e sacrifícios pelos pecados” (Hebreus 5, 1). Mas há pessoas que preferem uma construção sem ferramentas de trabalho, porque acham que as próprias mãos são capazes de fazer tudo.

É verdade que uma pessoa não pode se relacionar com Deus no lugar de outra. Nisso, cada ser humano é insubstituível, e não podemos pedir a outra pessoa que faça isso por nós. Mas também é verdade que, em seu plano de salvação, Deus estabeleceu uma Igreja que é mãe e mestra, e por meio dela Ele oferece sua graça santificante e se permite agir de maneira humana para ser entendido pelos humanos. O fato de Jesus Cristo ter se feito Homem é uma prova disso.

Para alguns, tudo o que dê a ideia de ponte, caminho ou acesso deve ser bombardeado, para que a aproximação da divindade seja imediata e produto da própria bondade humana. Às vezes, estamos tão seguros de nós mesmos, que esquecemos as palavras de Jesus, quando afirma: “Ninguém vai ao Pai senão por mim” (João 14, 6); mas também aquelas outras que Ele dirigiu aos apóstolos: “Como o Pai me enviou, eu os envio” (João 20, 21).

Neste sentido, podemos compreender que a mediação de Cristo é absolutamente necessária para a pessoa que quiser chegar a uma comunhão perfeita com Deus. O conhecimento e a proximidade de Deus é gratuidade do seu Filho Jesus Cristo. A eternidade do seu sacerdócio é condição de possibilidade para realizar com Deus uma aliança eterna, em benefício do homem de todas as épocas.

Sacerdócio único

Cristo é necessário porque Deus é necessário e, sem Ele, o homem nunca alcançaria o objetivo da sua existência; mas este sacerdócio único de Jesus se prolongou através do sacerdócio que Ele deixou em sua Igreja, não como uma simples cópia simbólica do seu sacerdócio, e sim como uma participação no seu ministério, que a Igreja exerce de maneira fiel, assistida pelo Espírito Santo, para que, dessa maneira, a pessoa possa ter acesso a Deus. Os sacerdotes são, assim, instrumentos efetivos de comunhão com Deus.

Isso não é uma usurpação da atividade salvadora de Jesus, mas, pelo contrário, o cumprimento do seu desejo de aproximar todas as pessoas de Deus, já que o que a Igreja faz não é movido pelo capricho, mas pelo mandato expresso do Salvador, quem confiou nela e confiou a ela a tarefa de prolongar sua presença no mundo, em todo tempo e lugar.

Mas nunca foi fácil aceitar a ajuda de ninguém, a intercessão de ninguém, a santificação por meio de ninguém. É mais fácil acreditar que podemos fazer tudo sozinhos, que temos todas as forças e recursos suficientes para alcançar o céu com as nossas mãos.

A soberba humana, que foi o grande pecado de todos os povos, nos impede de ver um Deus que desce até os homens, que se faz Homem, que escolhe homens e santifica por meio de homens, justamente porque o homem não pode chegar a Deus a não ser que Deus chegue a ele.

Como Jesus é necessário para chegar a Deus, o sacerdócio ministerial é necessário para alcançarmos a graça de Cristo. Sempre custará, nos interpelará, nos incomodará que Deus tenha querido fazer as coisas de maneira tão “absurda”, já que a experiência mostra que nem todos conseguem ser epifania de Deus e que, pelo contrário, a vida de muitos não é coerente com o que eles deveriam ser.

Mas, ainda assim, Deus prefere ser ocultado pelo pecado de muitos, a negar-se a irradiar e inundar sua graça em todo aquele que for capaz de aceitar a humilde intercessão de pecadores que são somente ferramentas nas mãos de um excelente artista.

Ninguém pode amar Cristo cabeça e desprezar seu corpo, que é a Igreja. Eles formam um todo. Nem Cristo sem Igreja, nem Igreja sem Cristo.

Tags:
IgrejaJesusPadressacerdotes
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
Ordenação sacerdotal
Francisco Vêneto
Ex-testemunha de Jeová será ordenado padre católico aos 25 anos
4
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
5
MARY, CRUSH, SNAKE
Desde la Fe
10 poderosas armas para lutar contra o demônio
6
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
7
Reportagem local
Hoje celebramos Santa Bernadette, a menina que viu Nossa Senhora ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia