Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 12 Abril |
São David Uribe Velasco
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Bebê internada 109 dias com covid recebe alta: mãe define cura como “milagre”

Bebê

Pexels | CC0

Francisco Vêneto - publicado em 08/01/21

"Nem os médicos acreditavam que minha filha voltaria para casa", conta a mãe da pequena Laura, de 6 meses

Bebê internada 109 dias com covid recebe alta hospitalar e finalmente volta para casa: a vitória é da pequena Laura Lima do Nascimento, de 6 meses de idade. Ela conseguiu a liberação do hospital nesta semana, em São José do Rio Preto, SP, após nada menos que 109 dias de internação por causa da covid-19.

Sua mãe, Ana Carolina Santos Lima, de 16 anos, resume:

“Nem os médicos acreditavam que minha filha voltaria para casa. Realmente foi um milagre!”

Laura nasceu saudável em 24 de junho de 2020, no auge da pandemia, mas, com apenas 21 dias, seus pais notaram nela alguns sintomas da covid-19, como demonstrações de muito cansaço e falta de ar. Levada ao hospital, a bebê testou positivo para a doença.

Em declarações à imprensa nesta semana, após a alta da filha, Ana Carolina desabafou sobre o quanto foram difíceis os longos 109 dias em que Laura ficou internada por causa do coronavírus.

Quando foi levada ao hospital, Laura estava sofrendo uma pré-parada cardíaca. Segundo a mãe, “a doença realmente tomou conta do corpo dela”. De fato, a bebê chegou a precisar de uma traqueostomia e de uma drenagem no cérebro para a retirada de um coágulo.

Bebê internada 109 dias com covid recebe alta

Os meses de angústia se encerraram neste dia 5 de janeiro, quando a família finalmente pôde levar a bebê de volta para casa. A equipe de profissionais do hospital comemorou entusiasmadamente essa vitória. Ana Carolina descreve:

“Foi uma felicidade muito grande. Não tem coisa melhor do que trazê-la de volta para casa”.

Laura está agora recebendo cuidados médicos em casa, incluindo o acompanhamento de uma fonoaudióloga.




Leia também:
Recém-nascido puxa máscara de médico e vira “sinal de esperança” contra covid

Tags:
BebêsCovidSaúde
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
2
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
3
Padre Gilvan Manuel da Silva perde pais e irmãos para covid-19
Reportagem local
Padre perde pais e irmãos para covid-19 e afirma: “Continua...
4
ALTAR BOY,
Un cammino chiamato famiglia
Coroinha desmaia durante Via Sacra, mas a cru...
5
Reportagem local
Santo Sudário, novo estudo: “Não é imagem de morto, mas de ...
6
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
7
CARDEAL RANIERO CANTALAMESSA
Francisco Vêneto
Desobediência à Igreja dilacera a fraternidade católica, diz preg...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia