Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 12 Abril |
São David Uribe Velasco
home iconAtualidade
line break icon

“A lei da República é maior que a de Deus”, afirma ministro – e bispo contesta

Bispo dom Marc Aillet

STÈPHANE OUZOUNOFF/CIRIC

Francisco Vêneto - publicado em 26/02/21

"Para nós, católicos, a lei de Deus está inscrita na consciência do homem. Ela não substitui a lei humana, mas se constitui no seu fim último"

“A lei da República é maior que a de Deus”, afirmou o ministro do Interior francês Gérald Darmanin. Ele fez esta alegação no contexto de um projeto de lei sobre “o respeito aos princípios da República”, que altera as atuais regulamentações sobre a separação entre Igreja e Estado na França.

Dom Marc Aillet, bispo de Bayonne, considera que o texto do projeto de lei contém graves ameaças à liberdade de consciência.

Segundo matéria do site France Catholique, o bispo se manifestou sobre a declaração do ministro de que os crentes devem considerar a lei da República superior à Lei de Deus. Dom Marc respondeu:

“Sem dúvida, é o islamismo que está sendo tratado por esse projeto, já que o islamismo defende a aplicação em nosso país da ‘sharia’, que o islã reivindica como uma lei divina que se impõe a todos os muçulmanos. Deve-se dizer que, no islã, a política e a religião estão totalmente misturadas. Contudo, sob o fogo das críticas, quando assume plenamente os seus propósitos, o Ministro do Interior parece estendê-lo a todas as religiões. Rompendo com a neutralidade do Estado, isso nos levaria a passar de um regime de separação para um regime de subordinação. Nesse sentido, essas afirmações são inaceitáveis, porque simplesmente levam a negar a liberdade de consciência. De fato, se Deus existe, e um considerável número de cidadãos acredita nisto, a sua lei não pode ser submetida à República, sob o risco de ser um entrave à liberdade de consciência, já garantida pela Constituição e pelo discurso oficial. Para nós, católicos, a lei de Deus está inscrita na consciência do homem. Ela não substitui a lei humana, mas se constitui no seu fim último”.

“A lei da República é maior que a de Deus”?

Ainda conforme a matéria de France Catholique, o bispo respondeu a respeito do perigo de se considerar a lei da República superior à de Deus:

“A República é essencialmente um modo de organização do poder político, que hoje coincide geralmente com a democracia. Mas aqui ela se tornaria uma espécie de hipóstase, até mesmo uma verdadeira ‘deusa’ que poderia impor aos cidadãos uma ideologia totalizante da vida deles. Ora, a República não pode, de forma alguma, abarcar a totalidade da vida humana sem atentar gravemente contra suas liberdades fundamentais. O fim último da sociedade humana é o bem comum, ou seja, o conjunto de condições sociais, econômicas e culturais que permitem precisamente a cada um procurar o seu fim último, o qual transcende toda as formas de organização social e ultrapassa necessariamente o horizonte da sociedade política. Essa atitude é reveladora de uma cultura marcada por uma espécie de humanismo imanentista fechado à transcendência, onde o Estado pretende reger toda a vida dos cidadãos, sob o risco de trancá-los definitivamente dentro dos limites da cidade terrena. Mas também de uma concepção positivista da lei, onde a apreciação do bem e do mal dependeria da arbitrariedade única do Príncipe ou de uma maioria democraticamente eleita. O venerável Pio XII denunciou esse positivismo jurídico como um ‘erro que está na base do absolutismo do Estado e que equivale a uma deificação do próprio Estado’ (Discurso ao Tribunal da Rota, 13 de novembro de 1949)”.


Emmanuel Macron

Leia também:
Bispos franceses peitam governo por limitações arbitrárias em Missas

Tags:
DeusIdeologiaIgreja CatólicaPolítica
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
2
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
3
Padre Gilvan Manuel da Silva perde pais e irmãos para covid-19
Reportagem local
Padre perde pais e irmãos para covid-19 e afirma: “Continua...
4
ALTAR BOY,
Un cammino chiamato famiglia
Coroinha desmaia durante Via Sacra, mas a cru...
5
Reportagem local
Santo Sudário, novo estudo: “Não é imagem de morto, mas de ...
6
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
7
CARDEAL RANIERO CANTALAMESSA
Francisco Vêneto
Desobediência à Igreja dilacera a fraternidade católica, diz preg...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia