Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 24 Abril |
Aleteia logo
Cultura & Viagem
separateurCreated with Sketch.

A imponente Basílica de Nossa Senhora da Saúde, em Veneza

SANTA MARIA DELLA SALUTE

THANAN | Shutterstock

Maria Paola Daud - publicado em 16/03/21

A igreja foi construída como forma de agradecimento pelo fim de um epidemia

A linda basílica de Nossa Senhora da Saúde é uma imponente obra da arquitetura barroca veneziana, que nasceu de uma promessa à virgem.

Em 1630, a cidade enfrentou uma epidemia de peste bubônica (ou peste negra), que atacou ferozmente todo o norte da Itália.

Cerca de 10 mil moradores de Veneza perderam a vida. Diante do desespero que tomava conta da população, o duque da época, Nicolò Contarini, decidiu fazer uma procissão para pedir que Nossa Senhora colocasse um fim na pandemia.

Depois de três dias e três noites de orações, a peste cessou. E, para agradecer o favor atribuído à Virgem Maria, decidiu-se construir uma igreja quando o fim da pandemia fosse oficialmente declarado. Isso aconteceu, de fato, em 21 de novembro de 1631.

O projeto

O projeto da igreja ficou a cargo do arquiteto Baldassare Longhen. Ele decidiu dar ao prédio o formato de uma coroa, simbolizando a coroa de Nossa Senhora.

Os trabalhadores concluíram a obra em 9 de novembro de 1687. A igreja recebeu, então, a bênção do patriarca Alvise Sagredo.

A estrutura imponente conta com 150 estátuas de profetas, apóstolos, santos, doutores da igreja e personagens femininos do Antigo Testamento.

O espetacular piso de mármore surpreende os visitantes com composições geométricas de 35 círculos.

A imagem de Nossa Senhora da Saúde

O magnífico altar-mor, obra do escultor Juste Le Court, representa a Veneza livre da peste. Ao centro, Nossa Senhora com o Menino Jesus nos braços. De um lado, um homem aos seus pés representa a súplica pelo fim da pandemia.

Do outro lado, um homem fugindo da peste. Ao centro das esculturas, o ícone bizantino de Nossa Senhora da Saúde, a “Mesopanditissa”, que significa “mediadora da paz”.

A festa popular de Nossa Senhora da Saúde

A festa de Nossa Senhora da Saúde é celebrada no dia 21 de novembro. Em Veneza, a Igreja constrói uma ponte flutuante temporária sobre o Grande Canal. A ponte dá acesso à basílica, e os fiéis a atravessam rezando. As crianças se divertem entre as barracas de doce.

Em casa, os habitantes preparam um prato típico da festa: a “castradina”, feito à base de cordeiro. A festa de Nossa Senhora da Saúde é uma das festas mais populares e concorridas pelos venezianos.

Clique na galeria abaixo e conheça mais sobre esta bela e simbólica basílica.


MADONNA

Leia também:
A curiosa imagem da Virgem Maria protetora contra o coronavírus

Tags:
Nossa SenhoraPandemiaViagem
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia