Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 25 Fevereiro |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Exorcista relata o que o demônio diz no exorcismo

Exorcismo

Shutterstock | lunamarina

Francisco Vêneto - publicado em 20/05/21

O demônio tem medo de Nossa Senhora porque não pode suportar "a luz que emana daquela mulher"

Exorcista relata o que o demônio diz no exorcismo: o pe. Antonio Mattatelli, da diocese italiana de Tricarico, exerce autorizadamente o ministério do exorcismo há mais de 11 anos e respondeu recentemente a diversas perguntas a respeito dessa missão. A entrevista foi realizada pela jornalista Rita Sberna, do site CristianiToday.it.

Na entrevista, o pe. Antonio afirma que a experiência de um exorcismo toca profundamente a alma de qualquer pessoa, inclusive de quem apenas assiste a uma sessão. Ele acrescenta, a propósito, que todo leigo e todo sacerdote deveria assistir ao menos uma vez na vida a um verdadeiro exorcismo:

“É uma experiência mística na qual se percebem fisicamente e em nível sensorial as verdades da nossa fé cristã e a realidade da comunhão dos santos”.

Ao longo da entrevista, o pe. Antonio Mattatelli ressalta:

  • O demônio é “mentiroso desde o princípio”: é muito hábil para apresentar o bem como mal e o mal como bem.
  • Graças ao poder de Deus, no entanto, um exorcista consegue obrigá-lo, muitas vezes, a reconhecer e declarar a verdade.
  • O mundo terreno está nas mãos do demônio, que exerce a sua manipulação contínua mediante o poder, o dinheiro e o prazer sensual.
  • Entre as ferramentas que o demônio utiliza contra a Igreja, destacam-se duas: a perseguição, principalmente em países de minoria cristã, e a disseminação da confusão, em especial nos países que, tradicionalmente, foram ou ainda são de maioria cristã.
  • Exemplos dessa confusão seriam o fato de que muitos que se dizem católicos não vivem na prática como católicos e até mesmo uma parte relevante dos que se apresentam como teólogos são manipulados e desviados da reta doutrina por influência demoníaca, o que acarreta um sério risco de cisma na Igreja.

O que o demônio diz no exorcismo

O pe. Antonio Mattatelli também relatou, durante a entrevista:

  • O demônio tem medo de Nossa Senhora, que está presente durante os exorcismos, porque não pode suportar “a luz que emana daquela mulher”.
  • O demônio evita o nome de Nossa Senhora e se refere a ela com expressões mais vagas, como “Aquela ali”.
  • Para evitar mencionar o rosário, o demônio o chama de “ferramenta” e diz que Nossa Senhora destrói todos os seus planos, sobretudo quando se reza com essa “ferramenta”.
  • O demônio também tem medo de todas as virtudes testemunhadas por São José, especialmente no tocante à pureza, à defesa da família, ao santo matrimônio, à humildade e à fé sólida e convicta, vivida sem hipocrisias.

Conversando com outro exorcista

Confira no artigo abaixo uma esclarecedora entrevista exclusiva realizada em 2016 por Aleteia com o padre mexicano César Truqui, exorcista na diocese suíça de Chur. O sacerdote responde a dúvidas frequentes de católicos e não católicos sobre a existência de um mal personificado e sobre como ele se manifesta:

Tags:
DemônioDoutrinaExorcismoPadres
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia