Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 19 Janeiro |
Santo Arsênio de Corfú
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Monja birmanesa que desafiou militares agora trata pacientes com COVID

MYANMAR

Handout / Myitkyina News Journal / AFP

John Burger - publicado em 25/08/21 - atualizado em 25/08/21

Irmã Ann Rose Nu Tawng mais uma vez se coloca entre a vida e a morte em Mianmar

Em março deste ano, Ir. Ann Rose Nu Tawng ficou entre a vida e a morte, dizendo aos soldados armados em Mianmar que, se quisessem atirar nos manifestantes, teriam que passar por ela primeiro.

Agora, Ir. Ann está mais uma vez ajudando pessoas: pacientes com o novo coronavírus.

Na época do episódio com os soldados, ela disse: “eu corri para onde os soldados estavam; nem percebi que poderia estar em perigo. Eu só queria que as pessoas não fossem mortas”.

Os protestos diminuíram, e a religiosa passou a cuidar de pacientes doentes na Clínica Missionária Católica da cidade e em vilarejos remotas do estado de Kachin.

“Há pessoas com sintomas de COVID, mas não há centros de teste, e as pessoas não têm dinheiro para fazer o teste”, conta a religiosa.

A popularidade da Ir. Ann Nu Tawng como religiosa, impulsionada pelo vídeo viral e pela atenção da mídia, trouxe problemas para ela em relação às autoridades de Mianmar.

“Eu sei que pessoas que defendem a verdade e fazem o bem são odiadas,” disse. “Mas se você ficar com medo o tempo todo, se não se atrever a fazer coisas com medo de críticas, então você não será capaz de realizar nada.”

Tags:
PandemiaReligiosos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia