Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 05 Dezembro |
São Saba
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Joe Biden confirma apoio ao aborto: “profundamente comprometido”

Joe Biden

ANGELA WEISS / AFP

Francisco Vêneto - publicado em 02/09/21

Grupo pró-vida detona: "É mais do que vergonhoso. Mais uma vez, o presidente Biden trai a sua fé"

O presidente norte-americano Joe Biden confirma seu apoio ao aborto e acrescenta que o seu governo está “profundamente comprometido” com a defesa do que chama de “direito estabelecido”.

A declaração foi feita em resposta à nova legislação pró-vida que acaba de entrar vigor no Estado do Texas.

Contraposição à doutrina católica

Embora se declare católico, Biden se posiciona em explícita contradição com a doutrina da Igreja sobre a gravidade do aborto.

O Catecismo da Igreja Católica descreve o extermínio proposital de um ser humano em seus estágios iniciais de desenvolvimento como “gravemente contrário à lei moral” e exorta os legisladores a protegerem a vida humana desde o momento da concepção até a morte natural. O número 2273 reforça que, se a lei priva um grupo de seres humanos dessa proteção, então o Estado está negando, de fato, a igualdade de todos perante a lei.

Joe Biden confirma apoio ao aborto

Contrariando abertamente estes preceitos, Joe Biden afirmou que o seu compromisso é com o “direito constitucional estabelecido” pela decisão em favor do aborto que a Suprema Corte do país tomou em 1973.

Ele reforçou que “protegerá esse direito”.

A lei do batimento cardíaco

Quanto à nova legislação que entrou em vigor no Texas nesta quarta-feira, 1º de setembro, trata-se da popularmente denominada “Lei do Batimento Cardíaco”. Ela determina que os médicos devem examinar o bebê em gestação antes de realizarem o aborto e, caso detectem batimentos cardíacos, ficam legalmente proibidos de executar o procedimento, exceto em situações de emergência médica.

Os cidadãos também têm o direito de processar qualquer pessoa que realize um aborto ilegal ou que coopere para a sua realização.

Posição ideológica do governo Biden-Harris

Para Biden, “a lei do Texas afetará significativamente o acesso das mulheres ao atendimento médico de que precisam, principalmente nas comunidades de cor e entre as pessoas de baixa renda”.

A vice-presidente Kamala Harris também se pronunciou rapidamente a favor do aborto, mediante comunicado oficial em que tacha a lei texana de “ataque total à saúde reprodutiva”. Ela acrescenta que o governo “Biden-Harris lutará sempre para proteger o acesso ao atendimento médico e defender o direito da mulher de tomar decisões sobre o seu corpo e determinar o seu futuro”.

Reação de grupos pró-vida

Para os grupos defensores do direito inegociável à vida humana desde a concepção, tanto o eufemismo “saúde reprodutiva” quanto a narrativa ideológica de que um bebê seria “parte do corpo” da gestante são sofismas anticientíficos da militância pró-aborto.

Grupos católicos pró-vida, como o CatholicVote, afirmaram que “proteger a vida humana inocente ainda não nascida é um alicerce para se construir uma civilização do amor”. Quanto ao fato de que Joe Biden confirma apoio ao aborto, o mesmo grupo acrescentou, sem panos quentes:

“É mais do que vergonhoso ver um presidente católico dos Estados Unidos atacar esse esforço pela proteção das crianças e das mães no Texas (…) Mais uma vez, o presidente Biden trai a sua fé”.

Tags:
AbortoDoutrinaIdeologiaIgrejaPolíticaVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia