Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 24 Janeiro |
São Feliciano de Foligno
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

O amor e a passagem do tempo no casamento

Andrii Medvediuk | Shutterstock

Orfa Astorga - publicado em 03/11/21

A ajuda mútua é a chave para ser união nas obras e no ser. Com o tempo, assume diferentes formas

Nossos filhos cresceram e voaram, deixando nossa casa como um ninho vazio. É por isso que meu marido, assim que sai do escritório, vem diretamente à casa para me fazer companhia. Eu costumo esperar por ele na frente da janela para vê-lo chegar, como há tantos anos.

Às vezes eu faço isso refletindo sobre meus filhos e o casamento deles.

Eu conto-lhes que quando nos casamos, éramos muito jovens e, apaixonados, achávamos bastava amar e estava tudo resolvido. Mas claro que não é assim.

Na verdade, o amor conjugal exige doação plena num esforço contínuo de ajuda mútua.

A união do amor nas obras

Realizamos muitos planos e sonhos juntos, como comprar nossa casa, formar um patrimônio e educar nossos filhos.

Através do amor conjugal, aprendemos a harmonizar nossas diferentes qualidades, como objetividade, emoção, atenção aos detalhes, capacidade de planejar, ser intuitivos e, além de tudo, buscamos ser felizes em nossa troca mútua de dons.

No entanto, houve uma fase em que, diante de certas diferenças, costumávamos discutir e perder a paz, na maioria das vezes por coisas banais. Foi um momento em que vimos casamentos de amigos sucumbirem sem saber como ou quando seu amor adoecera como a morte.

E ficamos preocupados.

A união do amor no ser

As divergências cresceram e viraram uma crise grave. Mas Deus entrou em nossas intimidades através de um canal amplo e profundo, o que resultou na capacidade de superação, entendimento e num humilde reinício como casal.

Um caminho em que eu tentei responder às nobres expectativas que meu marido projetava em mim – e vice-versa.

E assim descobrimos nossa união no ser.

Uma união fiel e frutífera, que sempre existe e existirá para além do tempo em que nossos corpos envelhecerão e os meios materiais para os quais trabalhamos tão duro. Um momento em que nos amaremos cada vez mais em um horizonte ilimitado, com a certeza de que a morte nos separará apenas temporariamente.

Com a ajuda mútua, os cônjuges devem discernir sobre esses bens imperecíveis e sua realização no dia-a-dia de suas vidas e, dessa forma, superar o tempo das provações, a partir do tempo do amor.

Um tempo com sabor de eternidade.

Tags:
CasamentoFamíliaFilhos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia