Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 18 Agosto |
Santo Eônio
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Como redescobrir a alegria de se amar no casamento

shutterstock_1498194980.jpg

Di fizkes|Shutterstock

Hozana - publicado em 05/11/21

Devemos sempre ter em mente que a alegria de se amar no casamento não nasce do fato do outro ser perfeito ou fazer tudo “o que quero” e na hora em que anseio

Por que se casar? Para que se casar? Matrimônio: desejado por alguns, floreado por outros, criticado por tantos. De fato, ele não é para todos, mas sim para aqueles que o abraçam como ele é em essência: uma vocação, um estado de vida. Vocação essa por vezes desafiante, mas também santificante e santificadora!

Um dos momentos mais felizes na vida de um casal, que opta por abraçar o sacramento do matrimônio, é o período do noivado. Cheio das muitas novidades, dos muitos preparativos para a celebração matrimonial e para a vida a dois, seguido do grande dia do Sim, dia de muita alegria e felicidade para os noivos e seus familiares assim como para a Santa Mãe Igreja que, com o coração magnânimo, toma parte nessa alegria e acolhe a nova família que nasce, pois, a Alegria do Amor que se vive nas famílias é também o júbilo da Igreja.

Amor e fidelidade

Perante o altar do Senhor os noivos fazem votos de amor e fidelidade, respeito e companheirismo na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, e por todos os dias da vida em comum, até que a morte os separe.

Conforme nos leciona a Exortação Apostólica sobre a Alegria Cristã – Gaudete in Domino – do Papa Paulo VI:

Deus antes mesmo de se lhe manifestar pessoalmente, nos moldes da revelação, dispôs a inteligência e o coração da sua criatura para o encontro da alegria, ao mesmo tempo que da verdade. […] A expressão mais elevada da felicidade é a alegria. […] Que a alegria seja derramada nos corações juntamente com o amor de que ela é o fruto, pelo Espírito que nos foi dado.”

A alegria nasce sempre de uma certa maneira de olhar para os homens e para Deus: ‘Se os teus olhos forem puros, todo o teu corpo será também iluminado’. Nós tocamos aqui a dimensão original e inalienável da pessoa humana: a sua vocação para a felicidade passa sempre pelas sendas do conhecimento e do amor, da contemplação e da ação. Oxalá possais atingir aquilo que há de melhor na alma de vossos irmãos, bem como esta presença divina, tão próxima do coração humano.” 

Amor e dificuldades no casamento

Contudo, com o passar do tempo, certamente ocorrerão dificuldades, esfriamentos, desafios que de certa forma colocarão a prova essa alegria do amor matrimonial, e isso é natural, faz parte dessa caminhada chamada “vida”. Como nos atesta a própria Palavra de Deus, na qual aparecem muitas famílias e gerações, desde o Gênesis até o Apocalipse. As quais viveram muitas histórias de amor e crises familiares que, com a força da fé e do amor, dão continuidade a vida e buscam cultivar, no “para sempre” ” escondido nas coisas simples do dia a dia, a alegria de escolher mais uma vez o seu esposo ou a sua esposa para caminhar lado a lado.

Sendo assim, somos chamados a cultivar diariamente, na vida matrimonial, e redescobrir sempre que necessário, esse belo fruto do Espírito Santo, que é a alegria, e dessa maneira fazermos o outro mais amado, alegre e feliz e ainda alegrarmos e consolarmos o Coração de Jesus.

Novena

Se você deseja e precisa redescobrir essa alegria de amar no seu matrimônio, eu convido você (e seu cônjuge) a viver um caminho de 9 dias para acolher, redescobrir e renovar a alegria de se amar um ao outro. Uma novena de oração para casais preparada pela associação Vivre d’Amour no Hozana. Durante esses 9 dias você receberá: uma imagem inspiradora, uma Palavra, uma reflexão do Papa Francisco, retirada da Amoris Laetitia, e uma proposta de ação para permitir que a alegria brote na sua vida conjugal. Clique aqui para participar.

Devemos sempre ter em mente que essa renovada alegria de se amar no casamento não nasce do fato do outro ser perfeito ou fazer tudo “o que quero” e na hora que anseio ou como eu espero, mas sim, como nos disse a Exortação Apostólica sobre a Alegria Cristã, nasce sempre da maneira de olhar para os homens e para Deus e da busca constante da capacidade de atingir aquilo que há de melhor na alma do outro e na presença divina, que é tão próxima de cada coração humano.

Como redescobrir a alegria do amor no casamento

Confinantes no amor de Deus por cada família, guiados pela luz da sua Santa Palavra e certos da intercessão de São José, Patrono das famílias, e em especial nesse ano consagrado a ele e na qual a Igreja celebra os 5 anos da Exortação Apostólica Pós-Sinodal Amoris Laetitia – Sobre o Amor na Família, temos muitas formas de REDESCOBRIR A ALEGRIA DE SE AMAR NO CASAMENTO: 

– renovar o “vinho novo” da época do noivado cultivando uma vida de oração a dois, semanal ou pelo menos quinzenalmente bem como leitura em comum da Sagrada Escritura e da Vida dos Santos, em especial santos que viveram a vida matrimonial;

– participar da santa missa juntos, em intenção pela vida matrimonial e sempre que necessário se socorrer no sacramento da confissão ou no aconselhamento de um diretor espiritual;

– enxergar juntos, em casa crise, uma oportunidade de melhorar, sedimentar e maturar o vinho da união pois não se vive junto para ser cada vez menos feliz mas para aprender a ser feliz de maneira nova dentro de cada etapa da vida pois cada crise implica um aprendizado;

– cultivar o cuidado com o outro na simplicidade do dia a dia, buscando fazer de cada ocasião um momento para manifestar o amor e a alegria pela dom que é o outro na sua vida, estimulando e fortalecendo assim o matrimônio e a família, mantendo dessa forma um amor forte e comprometido, cheio de valores como generosidade, compromisso, fidelidade, misericórdia, perdão e paciência.

Oração à Sagrada Família

“Jesus, Maria e José,
em Vós contemplamos
o esplendor do verdadeiro amor,
confiantes, a Vós nos consagramos.

Sagrada Família de Nazaré,
tornai também as nossas famílias
lugares de comunhão e cenáculos de oração,
autênticas escolas do Evangelho
e pequenas igrejas domésticas.

Sagrada Família de Nazaré,
que nunca mais haja nas famílias
episódios de violência, de fechamento e divisão;
e quem tiver sido ferido ou escandalizado
seja rapidamente consolado e curado.

Sagrada Família de Nazaré,
fazei que todos nos tornemos conscientes
do carácter sagrado e inviolável da família,
da sua beleza no projeto de Deus.

Jesus, Maria e José,
ouvi-nos e acolhei a nossa súplica.
Amém.”

Julyana Bringel, pelo Hozana

Tags:
AmorCasamentomaridoMulher
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia