Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 04 Dezembro |
São Bernardo, bispo de Parma
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Direto do Vaticano: Papa dedica um mês de oração pelas famílias

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
POPE-FRANCIS-AUDIENCE-MAY-11-2022

Antoine Mekary | ALETEIA

I.Media para Aleteia - publicado em 03/06/22

Boletim Direto do Vaticano de 3 de junho de 2022

  • Francisco apela à oração pelas famílias
  • Cardeal Sandri visita a Romênia
  • Papa: não abandonem os idosos

Francisco apela à oração pelas famílias

Por Camille Dalmas – Enquanto o Papa Francisco se prepara para acolher o Encontro Mundial das Famílias em Roma de 24-26 de Junho de 2022, ele decidiu dedicar a sua intenção de oração do mês à família como um “caminho de santidade”. No seu vídeo mensal, transmitido pela Rede Mundial de Oração do Papa, ele lembra-nos que não existe uma “família perfeita” mas que a família é antes de mais “o lugar onde aprendemos a viver juntos”.

“Se estamos unidos – os jovens, os idosos, os adultos e as crianças – incluindo todas as nossas diferenças, então evangelizamos com o nosso exemplo de vida”, disse o Papa. Ele insiste na presença, acompanhamento e ajuda que Deus pode proporcionar à família.

O Papa pede a todos que rezem pelas “famílias cristãs em todo o mundo”, mas também por “todas e cada uma das famílias”. Ele pede que elas possam “viver a gratuidade do amor e da santidade na sua vida quotidiana”.

De 22 a 26 de Junho, Roma acolherá o 10º Encontro Mundial das Famílias, quatro anos após o de Dublim (2018). Espera-se a presença de cerca de 2.000 delegados de todo o mundo, com o Papa Francisco a presidir às sessões de abertura e encerramento. O evento é co-organizado pelo Dicastério para os Leigos, Família e Vida e a Diocese de Roma.


Cardeal Sandri visita a Romênia

Por Camille Dalmas – O Cardeal Leonardo Sandri, Prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais, visita a Roménia de 1 a 5 de Junho de 2022 para se encontrar com representantes da Igreja Católica Grega Romena e exprimir a gratidão da Santa Sé pelo acolhimento dado aos refugiados ucranianos em fuga do conflito.

Esta visita segue-se às efetuadas nos últimos meses pelos Cardeais Michael Czerny e Konrad Krajewski como enviados do Papa Francisco para os campos de refugiados na Hungria, Eslováquia e Polónia. De acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, a Roménia acolheu 989.357 refugiados ucranianos em 27 de Maio – o que o torna o país com o segundo maior afluxo de migrantes depois da Polónia, com 3,6 milhões.

Uma declaração da sua congregação emitida a 1 de Junho explica que o prefeito deverá também encontrar-se com as autoridades políticas do país durante a sua viagem. Será acompanhado durante a sua viagem pelo Núncio Apostólico à Roménia, o Arcebispo Miguel Maury Buendia.

O tributo do Papa

A 19 de Maio, o Papa Francisco recebeu uma delegação do Pontifício Colégio Romeno em Roma – o Pio Romeno – e convidou os seus jovens sacerdotes e seminaristas a “tocar a carne de Cristo, presente nos pobres, nos doentes, nos sofredores, nos pequenos e nos simples, nos que sofrem e nos que Jesus está presente”. Em particular, falou do destino dos “muitos refugiados da vizinha Ucrânia que a Roménia acolhe e ajuda”.

O pontífice visitou a Roménia em Junho de 2019. O país é predominantemente ortodoxo (87%), com uma minoria católica (6%) representada principalmente pela comunidade católica romana (5%, rito latino) e pela pequena igreja católica grega local (1%, rito bizantino).


Papa: não abandonem os idosos

Em sua catequese desta semana, o Papa Francisco voltou a pedir atenção das pessoas e das comunidades em relação aos idosos.

Disse o Papa:

“A sociedade como um todo deve apressar-se a cuidar dos seus idosos – são o tesouro!  –  cada vez mais numerosos, e com frequência também mais abandonados. Quando ouvimos dizer que os idosos são despojados da própria autonomia, da sua segurança, até das suas casas, compreendemos que a ambivalência da sociedade atual em relação aos idosos não é um problema de emergências ocasionais, mas um traço da cultura do descarte que envenena o mundo em que vivemos.”

Segundo o Papa, todos “somos tentados a esconder a nossa vulnerabilidade, a esconder a nossa doença, a nossa idade, a nossa velhice, porque tememos que sejam a antecâmara da nossa perda de dignidade”.

“Perguntemo-nos: é humano induzir a este sentimento? Como pode a civilização moderna, tão avançada e eficiente, sentir tanta dificuldade diante da doença e da velhice, esconder a doença, esconder a velhice? E como pode a política, que se mostra tão empenhada em definir os limites de uma sobrevivência digna, ser ao mesmo tempo insensível à dignidade de uma convivência amorosa com os velhos e os doentes?”

Nesse sentido, o Papa pediu que “não escondamos as fragilidades, não!”

“São verdadeiras, há uma realidade e um magistério da fragilidade, que a velhice é capaz de nos lembrar de forma credível durante todo o período da vida humana. Não escondamos a velhice, não escondamos as fragilidades da velhice. Este é um ensinamento para todos nós. Este magistério abre um horizonte decisivo para a reforma da nossa civilização. Uma reforma indispensável para o benefício da convivência de todos. A marginalização dos idosos, quer conceitual quer prática, corrompe todas as fases da vida, e não apenas a da velhice.”

De fato, o Papa indicou que cada um de nós pode pensar hoje nos idosos da família:

“Como me relaciono com eles, recordo-me deles, visito-os? Procuro fazer com que nada lhes falte? Respeito-os? Os anciãos que fazem parte da minha família, mãe, pai, avô, avó, tios, amigos, cancelei-os da minha vida? Ou vou ter com eles para aprender a sabedoria, a sabedoria da vida? Lembra-te que também tu serás idoso ou idosa. A velhice chega para todos. E assim como gostarias de ser tratado ou tratada no momento da velhice, trata tu os idosos hoje. Eles são a memória da família, a memória da humanidade, a memória do país. Preservai os idosos, que são sabedoria. O Senhor conceda aos idosos que fazem parte da Igreja a generosidade desta invocação e desta provocação. Que esta confiança no Senhor nos contagie. E isto, para o bem de todos, deles, de nós e dos nossos filhos.”

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
Direto do VaticanoFamíliaOraçãoPapa Francisco
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia