Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

O segredo de São Boaventura para a união mística com Deus

SAINT BONAVENTURE

Public Domain

Philip Kosloski - publicado em 15/07/22

Se quiser alcançar a união mística com Deus, siga este conselho de São Boaventura

Podemos perguntar-nos como é possível alcançar uma união mística com Deus, ou mesmo se isso seria possível.

A nossa dúvida pode levar-nos a recorrer a livros e manuais com instruções para encontrarmos o segredo desta união mística.

No entanto, São Boaventura acreditava que a união mística não era algo alcançado através da pesquisa, mas apenas através da rendição ao Espírito Santo.

Ele explicou os seus pensamentos num livro intitulado From the Journey of the Mind to God (Da Viagem da Mente a Deus).

Para que esta Páscoa seja perfeita, devemos suspender todas as operações da mente e devemos transformar os picos dos nossos afetos, dirigindo-os apenas a Deus. Esta é uma experiência mística sagrada. Não pode ser compreendida por ninguém, a menos que se renda a ela; nem pode render-se a ela, a menos que a deseje; nem pode ansiar por ela, a menos que o Espírito Santo, que Cristo enviou ao mundo, venha e inflame a sua alma mais íntima. Daí o Apóstolo dizer que esta sabedoria mística é revelada pelo Espírito Santo.

É tentador no mundo moderno pensar que existe uma fórmula particular que nos ajudará a alcançar uma união mística com Deus, mas São Boaventura não pensava que isso era possível.

Ele reiterou o seu ponto de vista de que esta experiência não pode ser encontrada na investigação ou no enterrarmo-nos em exercícios intelectuais.

Se perguntar como tais coisas podem ocorrer, procure a resposta na graça de Deus, não na doutrina; no desejo da vontade, não na compreensão; nos suspiros da oração, não na pesquisa; procure o noivo, não o professor; Deus e não o homem (…); e não olhe para a luz, mas sim para o fogo que leva a alma a Deus com intenso fervor e amor resplandecente. O fogo é Deus, e a fornalha está em Jerusalém, disparada por Cristo no ardor da sua paixão amorosa.

A união mística com Deus deve ser vista mais como um dom, do que algo a ser apreendido ou alcançado com base nos nossos próprios méritos.

Através da graça de Deus, e do fogo do nosso próprio amor, podemos aproximar-nos de Deus e estar unidos a Ele nesta vida, bem como na próxima.

Tags:
DeusOraçãoSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia