Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 12 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Por que São João XXIII descreveu a família como a célula da sociedade

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Família

Dean Drobot | Shutterstock

Philip Kosloski - publicado em 14/04/23

Ele escreveu em 'Pacem in Terris' que a família é o "núcleo fundamental" da sociedade humana

A família tem um papel grandioso a desempenhar na Igreja, mas São João XXIII reafirmava que a família é necessária para o funcionamento da humanidade como um todo.

Na sua encíclica Pacem in Terris, ele afirmou:

São João XXIII acreditava que essa realidade deveria refletir-se em muitas outras áreas da vida civil, como a necessidade de um salário justo.

Uma consequência ulterior da dignidade pessoal do homem é o seu direito a exercer atividades econômicas adequadas ao seu grau de responsabilidade. O trabalhador tem igualmente o direito a uma retribuição determinada de acordo com os preceitos da justiça, o que precisa ser enfatizado. A quantia que o trabalhador recebe deve ser suficiente, proporcionalmente aos recursos disponíveis, para permitir tanto a ele quanto à sua família um padrão de vida compatível com a dignidade humana. O Papa Pio XII o havia manifestado nestes termos:

“A natureza impõe o trabalho ao homem como um dever e o homem tem o correspondente direito natural de exigir que o trabalho que realiza lhe proporcione os meios de subsistência para si e para seus filhos. Tal é o imperativo categórico da natureza para a preservação do homem”.

Os direitos de uma família abrangem também o seu direito à propriedade privada:

“Da natureza humana origina-se ainda o direito à propriedade privada, mesmo sobre os bens de produção. Como afirmamos em outra ocasião, esse direito ‘constitui um meio apropriado para a afirmação da dignidade da pessoa humana e para o exercício da responsabilidade em todos os campos; e é fator de serena estabilidade para a família, como de paz e prosperidade social'”.

São João XXIII acreditava, junto com todos os Papas desde então, que, quando a família é respeitada, a sociedade humana pode florescer.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos

Tags:
DoutrinaFamíliaPapaSociedade
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia