Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Quem são as pessoas responsáveis pela saúde do Papa?

Pope-Audience-June-07-2023

Antoine Mekary | ALETEIA

#image_title

I. Media - publicado em 09/06/23

E é para esta instalação, localizada a 7 km a noroeste do Vaticano, que os papas são levados quando precisam ser hospitalizados ou fazer exames

Diariamente, esteja ele no Vaticano ou viajando pelo mundo, o Papa Francisco é sempre acompanhado discretamente por um homem que às vezes é visto carregando uma pasta. Ele é o assistente pessoal de saúde do pontífice, Massimiliano Strappetti, nomeado em 4 de agosto de 2022.

O título de assistente pessoal de saúde do pontífice foi criado do zero por Francisco, dando status oficial a esse italiano na casa dos 50 anos. Mas também é uma recompensa: de acordo com o Papa, esse ex-enfermeiro da unidade de terapia intensiva Gemelli “salvou sua vida” em julho de 2021 ao insistir que ele fosse hospitalizado com urgência – o pontífice teria 33 cm de intestino removidos.

Equipe médica

Massimiliano Strappetti trabalhou por muitos anos na equipe médica do Vaticano – ele serviu João Paulo II e Bento XVI. Essa equipe médica próxima é chefiada pelo médico pessoal do Papa.

Desde 24 de fevereiro de 2021, ele é o professor Roberto Bernabei, um cirurgião de Florença especializado em medicina interna, geriatria e cardiologia. Professor da Universidade Católica do Sagrado Coração em Roma, ele também foi presidente da Sociedade Italiana de Gerontologia e Geriatria.

Mas o médico do Papa é, acima de tudo, Diretor do Departamento de Geriatria, Neurologia, Ortopedia e Medicina de Cabeça e Pescoço da Policlínica Gemelli.

Hospital

É para essa instalação, localizada a 7 km a noroeste do Vaticano, que os papas são levados quando precisam ser hospitalizados ou fazer exames. A policlínica já recebeu Francisco, assim como João Paulo II, em várias ocasiões: em 1981, após sua tentativa de assassinato, depois em 1992, 1993, 1994, 1996 e, finalmente, em 2005, pouco antes de sua morte.

Nessa instituição, o Papa é atendido por um grupo de médicos especialistas. Em 4 de julho de 2021, para sua operação no cólon, o Papa Francisco foi submetido à anestesia geral dos professores Massimo Antonelli e Liliana Sollazzi e dos médicos Roberto De Cicco e Maurizio Soave. A operação em si foi realizada pelo professor Sergio Alfieri, com a assistência do professor Luigi Sofo e dos médicos Antonio Tortorelli e Roberta Menghi. Além desses oito médicos, o médico pessoal do Papa e o professor Giovanni Battista Doglietto, diretor do Departamento de Cirurgia Geral do Hospital Universitário, também estavam presentes na sala de cirurgia.

Como fez em 2021, a Sala de Imprensa da Santa Sé pode mais uma vez divulgar informações sobre a equipe médica que está cuidando do pontífice. Foi anunciado que o Papa permanecerá no hospital por “vários dias”.

Neste verão, Francisco deverá participar da Jornada Mundial da Juventude em Lisboa, de 2 a 6 de agosto, como a Santa Sé recentemente oficializou. Durante cada uma de suas viagens, uma ambulância é sistematicamente enviada para acompanhá-lo.

Tags:
Papa FranciscoSaúdeVaticano
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia