Aleteia
Terça-feira 27 Outubro |
São Fulco

Estes são os santos que podem ajudar a lidar com a raiva

TeodorLazarev | Shutterstock

Edifa - publicado em 15/01/20

Muitas vezes, você tem explosões de raiva e gostaria de deixar tudo para trás. Até gostaria bater uma pessoa. Por que você tem essas súbitas crises? Porque você está tão nervoso? Aqui têm algumas dicas para que os adolescentes aprendam a enfrentar essas emoções que às vezes levam à violência

Adolescência, hormônios, a passagem à idade adulta, preocupações, sentimentos de impotência, relações com os pais, escola… tudo isto faz a mostarda subir pelo nariz e com que você comece a bater o seu irmãozinho. A raiva é uma emoção importante, mas não deve se transformar em violência. É uma expressão de impotência, dor, frustração, confusão ou culpa. Ela lhe diz que as suas necessidades ou as de outra pessoa não estão sendo atendidas. Às vezes informa que você foi tratado (ou tratou outra pessoa) de forma injusta. Mais importante ainda, lhe diz que você precisa fazer algo a respeito disso!

Uma raiva que pode arruinar belas relações

Você precisa encontrar a maneira certa de expressar essa raiva. Caso contrário, pode causar alguns danos. Se você está carregando-a dentro de você diariamente, tenha cuidado! Seja você moça ou moço, você pode ter dores de barriga ou dores de cabeça insuportáveis. Outros, sem se darem conta, guardam tudo dentro de eles mesmos. Eles absorvem, absorvem: “zen”, “cool”, “tudo bem”, “eu aguento”. E de repente… BANG! Simplesmente explode. E cuidado com aquele que está ao seu lado! Palavra assassina, golpe violento de joelho… Esta forma eruptiva de expressar a raiva pode destruir uma amizade ou prejudicar uma relação com alguém importante para você.

Por muito normal que seja de estar zangado de vez em quando, é importante compreender as razões deste comportamento. Tome tempo para identificar o que o irrita, tome consciência de como está tentando se controlar e aprenda a expressar sua raiva de uma forma construtiva: isso lhe evitará muita frustração e tristeza. A ti e aos que te rodeiam também.

Para gerir a sua raiva, tome o exemplo de grandes santos

Pense em como você normalmente lida com a raiva e as consequências. Você fica satisfeito depois de ficar com raiva? Acha que pode ser mais feliz e mais eficaz se gerir a sua raiva de forma diferente? Permanecer sob controlo pode ser um grande desafio. Falar com um adulto em quem você confia sobre como se sente pode ser muito útil.

Praticar atividades esportivas ou artísticas é altamente recomendado para temperar estas alterações de humor que são bastante comuns na adolescência… e que podem persistir depois! Há também formas não violentas de expressar a raiva: encerrar no seu quarto, bater a almofada, torcer uma toalha, chorar, falar, escrever… Há também a oração e os exemplos dos que nos precederam. Grandes santos como Jerônimo – apaixonado, violento e intransigente por natureza – foram enfurecidos demais. O próprio São Luís, antes de escolher uma vida que levasse à santidade, estava sujeito a freqüente raiva, como relata seu amigo Joinville. E mesmo assim foram canonizados!

Cyril Lepeigneux

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
EstresseFamíliaraiva
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
São Padre Pio de Pietrelcina
Oração de cura e libertação indicada pelo exo...
Ver mais