Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma

Você realmente sabe como aceitar conselhos?

TALKING

Pixabay

Edifa - publicado em 23/04/20

Nada é mais difícil de aceitar que um conselho, sequer um bom conselho. Para dá-lo, você sempre encontrará pessoas. Para recebê-lo, costuma não haver ninguém. É compreensível: o conselho muitas vezes soa como uma reprovação, ele dita calmamente uma conduta a ser seguida. E contudo pode ser libertador!

Quando alguém lhe diz como vocêdeve educar seus filhos, como vocêdeve se comportar com seu cônjuge, como vocêdeve trabalhar com seus colegas, vocêàs vezes pensa: “Deixe-me traçar meu próprio curso, e guarde seus conselhos inúteis para si mesmo. Em uma palavra: não me diga o que fazer!”. Ou pelo contrário: “Aconselhem-me, encorajem-me, motivem-me, vocênão pode prestar melhor homenagem àminha liberdade! Quem me aconselha sabe que eu tenho uma escolha: a escolha de fazer ou não fazer. Aquele que me encoraja, vêque eu poderia desistir. Aquele que me agradece ou me recompensa viu todo o meu mérito: eu poderia ter desistido, mas não, eu permaneci fiel. Eu poderia não ter feito nada, mas dei o mergulho. Eu estou livre.” Mas não devemos esquecer: conselhos, encorajamentos, felicitações ou reprovações sóvalem a pena onde reina a liberdade.

O conselho é uma benção

Por isso adoro os conselhos, pois não são censuras, são pequenas bênçãos. Um bom conselho fala àsua mente, não éuma ordem. Um bom conselho saúda sua vontade e seu potencial: “Isto éo que vocêpode fazer”. Um bom conselho égeneroso quando éacompanhado de encorajamento, não o lembra dos seus fracassos, acredita no seu futuro. O bom conselho émodesto diante do imenso mistério de sua liberdade. Nunca se toma por uma receita interplanetária.

A experiência dos outros éum tesouro, porque tem muito a lhe ensinar. Não vai lhe ditar nada, apenas abre sua inteligência em relação as possibilidades, aumenta sua liberdade.

E aqui estáum bom conselho: lembre-se de dizer todas as noites “Bendigo o Senhor porque me deu conselho, porque mesmo de noite o coração me exorta.” (Sl 15:7)!

Jeanne Larghero

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
AmizadeCaridadeEstresseInteligencia emocionalSaúde
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
SAINT JOSEPH SLEEPS
Philip Kosloski
Durma em paz com esta breve oração a São José
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais