Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 28 Outubro |
Santos Apóstolos Simão e Judas Tadeu 
Aleteia logo
home iconEstilo de vida
line break icon

Carta aberta a um amigo que encontrou o seu primeiro emprego

Happy, Woman, Work

© Antonio Guillem I Shutterstock

Anna Ashkova - publicado em 07/08/20

A Aleteia convida você a descobrir cinco cartas que o levarão a uma jornada pelas diferentes idades da vida. Hoje, mergulhe na segunda carta desta série, destinada aos jovens que acabaram de conseguir seu primeiro emprego

Querido amigo,

Depois de todos esses anos de estudo e dedicação, você acabou de encontrar o emprego dos seus sonhos. Parabéns! É o começo de muitas descobertas profissionais. Uma verdadeira aventura começa para você! Não se esqueça de convidar o Senhor a participar de todas as suas atividades. Sua dedicação ao seu trabalho será em vão se Deus não estiver ao seu lado para tudo edificar junto a você. Para este início de carreira, gostaria de compartilhar com você a bela oração do Padre Luc de Bellescize à Santíssima Trindade, para que você possa pedir a graça de fazer um trabalho bem feito e com a amor, que transforma a Criação, respeitando sua própria ordem:

Eu te louvo, ó Pai, Criador do Céu e da Terra, por ter confiado a Criação à obra de minhas mãos. Eu te louvo por me dar participar dessa missão real de governar o mundo, tu que és o único rei, mestre e Senhor. Tu me colocaste em um jardim para que eu possa construir a visão da paz para a cidade santa, Jerusalém. Não a grande Babilônia, que dispersa e divide, mas a cidade onde “todos juntos tornam-se um”. Quero transformar o mundo conforme a sua própria vocação, que é a de cantar a glória do teu nome.

Ao transformar o mundo, quero me transformar e me apresentar a ti como uma oferta agradável, oferecendo o trabalho de minhas mãos. Concede-me a graça de não me encontrar na situação de estar “ocupado sem fazer nada” e impede-me de idolatrar o meu próprio trabalho. Que eu não caia na idolatria do dinheiro, criado pela indústria do homem, mas que, pelo meu trabalho, a Criação transformada cante a ti um hino de louvor, pois ela aguarda meu trabalho de filho de Deus e geme em dores do parto, na esperança do Reino que chega.

Eu te louvo, ó Verbo Encarnado, Jesus, tu, filho da Virgem e do carpinteiro de Nazaré, porque santificaste a minha obra pela obra das tuas mãos, no silêncio da tua infância, nos anos da tua juventude, esperando o dia da tua manifestação em Israel. Afasta de mim o espírito de preguiça, ensina-me a ser generoso, a trabalhar com coragem, a me dedicar sem esperar outra recompensa que não a de saber que estou fazendo a tua santa vontade.

Dai-me construir a cidade de Deus aqui em baixo e recebe-me no final dos meus dias na Jerusalém celestial, onde não haverá mais nenhuma lágrima em meus olhos. Tu, por quem tudo foi feito, tu que descansaste no sétimo dia no silêncio da Criação completa, na paz do sepulcro onde descansava o teu corpo, ensina-me também a observar com atenção o dia da tua ressurreição, prelúdio do Eterno descanso que dá sentido ao meu trabalho diário, sem nada fazer além de permanecer em tua Presença e receber teu Santíssimo Corpo.

Eu te louvo, ó Paráclito, Espírito Santo de Deus, tu que desde o princípio pairava sobre as águas. Espírito criador e organizador do mundo, ensina-me o amor por um trabalho bem feito, que transforma a Criação, respeitando sua própria ordem. Tu, unção de mansidão e força, tu que podes tirar os cedros do Líbano e que sussurra como um sopro, concede-me a verdadeira autoridade, que não fere, mas que leva à paz; que quebra apenas para consertar. Dá-me exercitá-la com a sabedoria de Salomão e não com a violência de Saul.

Impede-me de desprezar um que seja dos pequeninos que tu me confiarás e concede-me de, cultivando a terra, nunca pisar na dignidade do homem e em sua íntima abertura à adoração do Altíssimo, de onde provém a verdadeira paternidade e a quem terei de prestar contas, como um bom administrador dos dons de Deus.

Amém

Tags:
AmizadeTrabalho
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
SANDRA SABATTINI
Francisco Vêneto
Primeira noiva em processo de canonização na história foi beatifi...
2
EUCHARIST
Reportagem local
O que fazer se a hóstia cair no chão durante a Missa?
3
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco: “Tenho medo dos diabos educados”
4
Pe. Jonas Magno de Oliveira e sua mãe
Francisco Vêneto
Mãe de padre brasileiro se torna freira na mesma família religios...
5
Transplante de rins
Francisco Vêneto
Transplante de rim de porco em humanos: a Igreja tem alguma objeç...
6
As irmãs biológicas que se tornaram freiras no instituto Iesu Communio
Francisco Vêneto
As cinco irmãs biológicas que se tornaram freiras em apenas 2 ano...
7
BENEDICT XVI
Marzena Wilkanowicz-Devoud
A arte de morrer bem, segundo Bento XVI
Ver mais