Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 07 Dezembro |
Bem-aventurado Janos Scheffler
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São João da Cruz

Sacerdote e doutor da Igreja (†1591)

JOHN

Public Domain

São João da Cruz

Juan de Yepes y Álvarez nasceu provavelmente no ano de 1540 na localidade de Fontiveros (Ávila, Espanha). Ficou órfão de pai teve que se transferir com a mãe de um lugar para o outro… com muita dificuldade a mãe conseguiu fazer com que o filho pudesse realizar os estudos até que, no ano de 1563, João conseguiu vestiu o hábito dos carmelitas. Após ter teminado os estudos nas áreas da filosofia e da teologia, foi ordenado sacerdote no ano de 1567. Nesse mesmo ano, João – que intencionava entrar na Cartuxa – se encontrou com Santa Tereza d’Ávila, a qual, iria receber em breve, a permissão para fundar outros dois conventos de carmelitas contemplativos (que seriam chamados mais tarde de “descalços”). A pedido de Santa Tereza, em 1568, São João da Cruz se encontra a fazer parte do primeiro núcleo de carmelitas reformados. Todo processo de reforma oferece ocasião para tensões e, por vezes, desentendimentos. Com São João da Cruz não foi diferente: na noite de 2 de dezembro de 1577, por causa de um mal-entendido, João é levado a um mosteiro em Toledo, Espanha. Aí ficará prisioneiro em condições duríssimas: fica isolado numa cela minúscula, é obrigado a receber penitências públicas uma vez por semana: quando não lhe concedem uma lamparina, ele consegue rezar o breviário utilizando a luz que vinha na cela contígua, de um pequeno buraco na parede. É, portanto, pouquíssimo tempo que João tem luz à sua disposição. João ficará nessa situação deplorável até que numa oportunidade consegue escapar da prisão. O mais extraordinário é que, nesse momento de solidão e sofrimentos, que João vivenciou na cela escura, ele consegue completar uma de suas composições mais conhecidas: o Cântico Espiritual; uma obra de grande lirismo e misticismo. Sua vida foi devotada ao Cristo e ao serviço dos irmãos. Ama a Deus e isso lhe basta. De fato, é nesse amor imenso que a morte o acolherá em seus braços: João da Cruz morre sereno, no dia 14 de dezembro do ano de 1591, em Andaluzia, Espanha.

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais