Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia
Festividade do dia

sexta-feira 20 julho

Bem-aventurada Rita Dolores Pujalte Sanchez

Religiosa e Mártir (†1936)

IGW-Resch-Verlag
Compartilhe este artigo para ter a chance de ganhar uma peregrinação a Roma
Compartilhar
Compartilhei
Compartilhamentos

Irmã Rita Dolores nasceu em Aspe, na região espanhola do Alicante, no dia 19 de novembro de 1853. Nascida numa família de profunda fé cristã, em 1888 ela e a irmã, Luísa, abraçaram a vida religiosa no mesmo Instituto, isto é, na Congregação das Irmãs da Caridade do Sagrado Coração de Jesus, grupo fundado em 1877 na Espanha pela venerável Isabel de Larrañaga Ramirez. Sempre muito apreciada pelas suas qualidades, Irmã Rita Dolores aos poucos foio ocupando cada vem mais cargos de responsabilidade no Instituto. Após a morte da fundadora em 1899, Irmã Rita assumiu seu lugar como superiora de todo o Instituto. Depois de 28 anos à frente do Instituto, Irmã Rita se retirou na Casa da Congregação em Madrid, onde a perseguição religiosa chegaria. De fato, em 1936 começou uma revolta em toda a Espanha que passou para a história com o nome de Guerra Civil Espanhola. Em julho de 1936 a situação na cidade de Madrid havia se deteriorado e todos esperavam por uma perseguição religiosa a qualquer momento. Depois de uma discussão entre as irmãs da Comunidade, todas decidiram permanecer na cidade para continuar a cuidar das órfãs que aí viviam. No dia 20 de julho, os revoltosos derrubaram as portas da Comunidade religiosa e entraram disparando. As irmãs suplicaram aos revoltosos que deixassem ir a Madre Rita Dolores e Irmãs Francisca: ambas doentes e idosas. Fazendo de conta que deixariam das duas, na verdade, eles retornariam mais tarde para levá-las até uma das periferias de Madrid: chegando a determinado local, descarregaram sobre os frágeis corpos dessas anciãs vários golpes de fuzil. Era o dia 20 de julho de 1936. Em 1940, após a descoberta do local dos cadáveres e a exumação, descobriu-se com espanto que seus corpos mantinham ainda a flexibilidade e a cor de uma pessoa viva. Em 1998 São João Paulo II as beatificou numa celebração na Praça São Pedro.

Descubra outros santos clicando aqui

Oração para esta manhã

Demos graças ao Senhor, porque eterno é seu amor!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Sois do céu a glória eterna,
esperança dos mortais,
sois da casta Virgem prole,
Unigênito do Pai.

Dai àqueles que despertam
seja a mente vigilante.
Em louvor e ação de graças,
nossa voz seja vibrante.

Nasce o astro luminoso,
nova luz ele anuncia.
Foge a noite, foi a treva,
vossa luz nos alumia.

Nossa mente torne clara,
faça a noite cintilar,
purifique nosso íntimo
até a vida terminar.

Cresça a nossa fé primeira
dentro em nosso interior;
a esperança acompanhe,
e maior seja o amor.

A vós, Cristo, rei piedoso,
e a vós, Pai, glória também
com o Espírito Paráclito
pelos séculos. Amém.
Salmo 99(100)

O Senhor ordena aos que foram salvos que cantem o hino de vitória (Sto. Atanásio).

Aclamai o Senhor, ó terra inteira,
servi ao Senhor com alegria,
ide a ele cantando jubilosos!

Sabei que o Senhor, só ele, é Deus,
Ele mesmo nos fez, e somos seus,
nós somos seu povo e seu rebanho.

Entrai por suas portas dando graças,
e em seus átrios com hinos de louvor;
dai-lhe graças, seu nome bendizei!

Sim, é bom o Senhor e nosso Deus,
sua bondade perdura para sempre,
seu amor é fiel eternamente!

Glória ao Pai...

Leitura breve 2Cor 12,9b-10
De bom grado, eu me gloriarei das minhas fraquezas, para que a força de Cristo habite em mim. Eis por que eu me comprazo nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições e nas angústias sofridas por amor a Cristo. Pois, quando eu me sinto fraco, é então que sou forte.

Fazei-me cedo sentir, ó Senhor, vosso amor!
Indicai-me o caminho, que eu devo seguir.

BENEDICTUS
O Senhor visitou o seu povo e o libertou.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Levantemos o nosso olhar para Cristo que nasceu, morreu e ressuscitou pelo seu povo; e peçamos com fé:

R. Salvai, Senhor, os que remistes com o vosso sangue!

Nós vos bendizemos, Jesus, Salvador da humanidade, que não hesitastes em sofrer por nós a paixão e a cruz,
– e nos remistes com o vosso sangue precioso. R.

Vós, que prometestes dar aos vossos fiéis a água que jorra para a vida eterna,
– derramai o vosso Espírito sobre todos os homens e mulheres. R.

Vós, que enviastes vossos discípulos para pregar o evangelho a todas as nações,
– ajudai-nos a proclamar pela terra inteira a vitória da vossa cruz. R.

Aos doentes e infelizes que associastes aos sofrimentos da vossa paixão,
– concedei-lhes força e paciência. R.

(Intenções livres)

Pai nosso ...

Oração
Pai todo-poderoso, derramai vossa graça em nossos corações para que, caminhando à luz dos vossos preceitos, sigamos sempre a vós, como Pastor e Guia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação do dia

Quero a misericórdia e não o sacrifício

Para mim é um “sinal dos tempos” o fato que a ideia da misericórdia de Deus se torne sempre mais central e dominante – a partir de Irmã Faustina, cujas visões de vários modos refletem em profundidade a imagem de Deus própria do homem de hoje e o seu desejo da bondade divina. Papa João Paulo II estava profundamente impregnado por esse impulso, ainda que isso não emergisse de modo explícito. Mas não é, certamente, um acaso que seu último livro, que veio à luz imediatamente antes da sua morte, fale da misericórdia de Deus. A partir das experiências nas quais desde os primeiros anos de vida ele teve como constatar toda a crueldade dos homens, ele afirma que a misericórdia é a única verdadeira e última reação eficaz contra a potência do mal. Somente ali onde há misericórdia termina a crueldade, terminam o mal e a violência. Papa Francisco encontra-se totalmente de acordo com essa linha. A sua prática pastoral se exprime justamente no fato que ele nos fala continuamente da misericórdia de Deus. É a misericórdia que nos move em direção à Deus, enquanto a justiça, diante dela, nos apavora. Em minha opinião isso põe em evidência que sob a pátina da segurança de si e da própria justiça, o homem de hoje esconde um profundo conhecimento das suas feridas e da sua indignidade diante de Deus. Ele está à espera da misericórdia.

Papa Emérito Bento XVI
Papa de 2005 a 2013.

Oração para esta tarde

Senhor, olhai para nossa debilidade e pobreza: vinde logo e salvai-nos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Deus, escultor do homem,
que a tudo, só, criastes,
e que do pó da terra
os animais formastes.

Sob o comando do homem
a todos colocastes,
para que a vós servissem
servindo a quem criastes.

Afastai, pois, os homens,
de uma fatal cilada;
que o Criador não perca
a criatura amada.

Dai-nos no céu o prêmio,
dando na terra a graça,
e assim chegar possamos
à paz que nunca passa.

A vós, Deus uno e trino,
em nosso amor cantamos;
nas criaturas todas
somente a vós buscamos.
Cântico Ap15,3-4

Como são grandes e admiráveis vossas obras,
ó Senhor e nosso Deus onipotente!
Vossos caminhos são verdade, são justiça,
ó Rei dos povos todos do universo!

Quem, Senhor, não haveria de temer-vos,
e quem não honraria o vosso nome?
Pois somente vós, Senhor, é que sois santo!

As nações todas hão de vir perante vós,
e prostradas haverão de adorar-vos,
pois vossas justas decisões são manifestas!

Glória ao Pai...

Leitura Tg 1,2-4
Meus irmãos, quando deveis passar por diversas provações, considerai isso motivo de grande alegria, por saberdes que a comprovação da fé produz em vós a perseverança. Mas é preciso que a perseverança gere uma obra de perfeição, para que vos torneis perfeitos e íntegros, sem falta ou deficiência alguma.

Jesus Cristo nos amou. E em seu sangue nos lavou.
Fez-nos reis e sacerdotes para Deus, o nosso Pai.

MAGNIFICAT
O Senhor nos acolheu a nós,
seus servidores, fiel ao seu amor.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Invoquemos o Senhor Jesus, a quem o Pai entregou à morte pelos nossos pecados e ressuscitou para nossa justificação; e digamos humildemente:

R. Senhor, tende piedade do vosso povo!

Ouvi, Senhor, as nossas súplicas e perdoai os pecados dos que se reconhecem culpados perante vós,
– e, em vossa bondade, dai-nos a reconciliação e a paz. R.

Vós, que dissestes por meio do apóstolo Paulo: 'Onde o pecado foi grande, muito maior foi a graça',
– perdoai generosamente os nossos numerosos pecados. R.

Senhor, tende piedade do vosso povo! Muito pecamos, Senhor, mas confiamos na vossa infinita misericórdia;
– convertei-nos inteiramente ao vosso amor. R.

Salvai, Senhor, o vosso povo de seus pecados,
– e sede bondoso para conosco. R.

(Intenções livres)

Vós, que abristes as portas do paraíso para o ladrão arrependido que vos reconheceu como Salvador,
– não as fecheis para os nossos irmãos e irmãs que morreram. R.

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Salve, Regina, mater misericordiae
Vita, dulcedo, et spes nostra, salve.
Ad te clamamus, exsules, filii evae.
Ad te suspiramus, gementes et flentes
in hac lacrimarum valle.

Eia ergo, Advocata nostra,
illos tuos misericordes oculos
ad nos converte.
Et Iesum, benedictum fructum ventris tui,
nobis post hoc exsilium ostende.
O clemens, O pia, O dulcis Virgo Maria.

Ora pro nobis sancta Dei Genetrix.
Ut digni efficiamur promissionibus Christi. Amen.
(Tradução)
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

SEJAM SANTOS!
Na escola da santidade.

Evangelho do dia

Evangelho - Mt 12,1-8
O Filho do Homem é senhor do sábado.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 12,1-8
1Naquele tempo, Jesus passou no meio de uma plantação
num dia de sábado.
Seus discípulos tinham fome
e começaram a apanhar espigas para comer.
2Vendo isso, os fariseus disseram-lhe:
'Olha, os teus discípulos estão fazendo,
o que não é permitido fazer em dia de sábado!'
3Jesus respondeu-lhes:
'Nunca lestes o que fez Davi,
quando ele e seus companheiros sentiram fome?
4Como entrou na casa de Deus e todos comeram os pães da oferenda
que nem a ele nem aos seus companheiros era permitido comer,
mas unicamente aos sacerdotes?
5Ou nunca lestes na Lei, que em dia de sábado, no Templo,
os sacerdotes violam o sábado sem contrair culpa alguma?
6Ora, eu vos digo: aqui está quem é maior do que o Templo.
7Se tivésseis compreendido o que significa:
'Quero a misericórdia e não o sacrifício',
não teríeis condenado os inocentes.
8De fato, o Filho do Homem é senhor do sábado.'

Selecione como você gostaria de compartilhar.

Compartilhar
* O crédito para artigos compartilhados será fornecido somente quando o destinatário do seu artigo compartilhado clicar no URL de referência exclusivo.
Clique aqui para mais informações sobre o Sorteio da Aleteia de uma Peregrinação a Roma

Para participar do Sorteio, você precisa aceitar os Termos a seguir


Ler os Termos e Condições