Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia
Festividade do dia

quinta-feira 6 dezembro
Bem-aventurado Janus Scheffler

Bispo e mártir (†1952)

VATICAN CHRISTMAS
Antoine Mekary | ALETEIA | I.Media
Compartilhar
Santo do dia

Na aldeia de Calmand, que então pertencia à Hungria, nascia Janus Scheffler (29 de outubro de 1887). Sua família era de agricultores católicos da região e desde muito pequeno foi educado nos rudimentos da fé católica. Com cerca de dez anos de idade manifestou o desejo de seguir os caminhos da vida sacerdotal e, em 1905, foi admitido no seminário, dando início aos estudos que o levariam à ordenação sacerdotal, ocorrida no dia 6 de julho de 1910. Diante de seu perfil intelectual, o bispo em pouco tempo o envia para Roma, onde estudará Direito Canônico na Universidade Gregoriana. Voltando para seu país, começa a desempenhar diversos cargos e funções até que no dia 26 de março de 1942 é nomeado bispo da Diocese de Statu Mare, na Hungria. Seu ministério episcopal foi desempenhado com prudência, zelo e ardor missionário: visitou inúmeras paróquias, dedicando-se à pregação e à administração dos sacramentos. Em 1944, sua amada diocese foi invadida pelo exército soviético e, ao final da guerra, a perseguição que os soviéticos começaram a fazer contra a Igreja foi cada vez mais impiedosa. Em 1948 o governo declarou a dissolução da Igreja católica de rito oriental. Dom Janus não se dobrou perante a essa atitude unilateral, criticando publicamente o regime. Foi preso e viveu por alguns anos no cárcere em condições desumanas. Por causa das privações e dos maus tratos, no dia 6 de dezembro de 1952 morreu. Desde 1965, seus restos mortais estão na cripta da Catedral de Statu Mare.

Descubra outros santos clicando aqui

Oração para esta manhã

Escutai, povos todos, a Palavra do Senhor. E anunciai-a até os confins de toda a terra.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Em meio à treva escura,
ressoa clara voz.
Os sonhos maus se afastem,
refulja o Cristo em nós.

Despertem os que dormem
feridos de pecado.
Um novo sol já brilha,
o mal vai ser tirado.

Do céu desce o Cordeiro
que traz a salvação.
Choremos e imploremos
das culpas o perdão.

E ao vir julgar o mundo
no dia do terror,
não puna tantas culpas,
mas venha com amor.

Ao Pai e ao seu Filho
poder e majestade,
e glória ao Santo Espírito
por toda a eternidade.

Salmo 56(57)

Este salmo canta a Paixão do Senhor (Sto. Agostinho).

Piedade, Senhor, piedade,
pois em vós se abriga a minh'alma!
De vossas asas, à sombra, me achego,
até que passe a tormenta, Senhor!

Lanço um grito ao Senhor Deus Altíssimo,
a este Deus que me dá todo o bem.
Que me envie do céu sua ajuda
e confunda os meus opressores!
Deus me envie sua graça e verdade!

Eu me encontro em meio a leões,
que, famintos, devoram os homens;
os seus dentes são lanças e flechas,
suas línguas, espadas cortantes.

Elevai-vos, ó Deus, sobre os céus,
vossa glória refulja na terra!

Prepararam um laço a meus pés,
e assim oprimiram minh'alma;
uma cova me abriram à frente,
mas na mesma acabaram caindo.

Meu coração está pronto, meu Deus,
está pronto o meu coração!
Vou cantar e tocar para vós:
desperta, minh'alma, desperta!
Despertem a harpa e a lira,
eu irei acordar a aurora!

Vou louvar-vos, Senhor, entre os povos,
dar-vos graças, por entre as nações!
Vosso amor é mais alto que os céus,
mais que as nuvens a vossa verdade!

Elevai-vos, ó Deus, sobre os céus,
vossa glória refulja na terra!

Glória ao Pai...

Leitura breve Is 45,8
Céus, deixai cair orvalho das alturas, e que as nuvens façam chover justiça; abra-se a terra e germine a salvação; brote igualmente a salvação.

Eis que vem vosso Deus Salvador! Eis vosso Deus e Senhor.
Toda a carne verá sua glória.

BENEDICTUS
Espero confiante o meu Deus e Salvador,
e o aguardo ansioso, pois está para chegar. Aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Peçamos confiantes a Cristo sabedoria e poder de Deus, que encontra suas delícias em estar com os filhos dos homens; e digamos:

R. Jesus, ficai conosco!

Senhor Jesus Cristo, que nos chamastes para o reino da vossa luz admirável,
– fazei que caminhemos de modo digno de Deus, agradando-lhe em tudo! R.

Vós, que, ignorado pelo mundo, estais no meio de nós,
– manifestai vossa face a todos os homens. R.

Vós, que estais mais perto de nós do que nós mesmos,
– confirmai em nossos corações a confiança e a esperança da salvação. R.

Vós, que sois a fonte da santidade,
– guardai-nos santos e irrepreensíveis para o dia de vossa vinda. R.

(Intenções livres)

Pai nosso ...

Oração
Despertai, ó Deus, o vosso poder e socorrei-nos com a Vossa força, para que vossa misericórdia apresse a salvação que nossos pecados retardam. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação do dia

Nem todo aquele que me diz: “Senhor, Senhor” entrará no Reino dos céus...

Objetivamente falando, nunca teremos a segurança total de permanecer até o fim nos caminhos de Deus. Assim como os primeiros homens passaram da filiação divina ao afastamento de Deus, do mesmo modo cada um de nós se encontra no fio da navalha, entre o nada e a plenitude da vida divina, e cedo ou tarde o perceberemos também subjetivamente. Na infância da vida espiritual, quando começamos a nos abandonar à mão guiadora de Deus, o percebemos com força e intensidade; com toda clareza vemos o que é que temos que fazer ou omitir. Certamente essa situação não permanece sempre assim. Quem pertence ao Cristo deve viver a vida de Cristo em sua totalidade, deve alcançar a maturidade do Salvador e caminhar pelo caminho da cruz até o Getsemani e o Gólgota. E todos os sofrimentos que podem vir de fora nada são em comparação com a noite da alma, quando a luz divina desapareceu e já não escutamos a voz do Senhor. Aqueles que estão realmente unidos a Cristo permanecem inquebrantáveis. Mesmo quando na escuridão da noite experimentam pessoalmente o afastamento e o abandono de Deus. Digamos, pois, faça-se sua vontade também e precisamente na noite mais escura.

Santa Teresa Benedita da Cruz
Carmelita descalça e mártir (1891-1942).

Oração para esta tarde

Escutai, povos todos, a Palavra do Senhor. E anunciai-a até os confins de toda a terra.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Eterna luz dos homens,
dos astros Criador,
ouvi as nossas preces,
de todos Redentor.

Ao ver compadecido
do mundo a perdição,
em vosso amor viestes
trazer-lhe a salvação.

Se sombra do pecado
a tudo escurecia,
Esposo, vós saístes
do seio de Maria.

Ao simples ecoar
do vosso nome eterno,
joelhos vão dobrando
o céu, a terra, o inferno.

Um dia voltareis,
Juiz e Rei de tudo.
Oh daí-nos hoje a graça,
na tentação escudo.

Ao Pai e ao Filho glória,
ao Espírito também,
louvor, honra e vitória,
Agora e sempre. Amém
Salmo 29(30)

Cristo, após sua gloriosa ressurreição, dá graças ao Pai (Cassiodoro).

Eu vos exalto, ó Senhor, pois me livrastes,
e não deixastes rir de mim meus inimigos!
Senhor, clamei por vós, pedindo ajuda,
e vós, meu Deus, me devolvestes a saúde!
Vós tirastes minha alma dos abismos
e me salvastes, quando estava já morrendo!

Cantai salmos ao Senhor, povo fiel,
dai-lhe graças e invocai seu santo nome!
Pois sua ira dura apenas um momento,
mas sua bondade permanece a vida inteira;
se à tarde vem o pranto visitar-nos,
de manhã nos vem saudar a alegria.

Nos momentos mais felizes eu dizia:
'Jamais hei de sofrer qualquer desgraça!'
Honra e poder me concedia a vossa graça,
mas escondestes vossa face e perturbei-me.

Por vós, ó meu Senhor, agora eu clamo,
e imploro a piedade do meu Deus:
Que vantagem haverá com minha morte,
e que lucro, se eu descer à sepultura?

Por acaso, pode o pó agradecer-vos
e anunciar vossa leal fidelidade?
Escutai-me, Senhor Deus, tende piedade!
Sede, Senhor, o meu abrigo protetor!

Transformastes o meu pranto em uma festa,
meus farrapos, em adornos de alegria,
para minh'alma vos louvar ao som da harpa
e ao invés de se calar, agradecer-vos: *
Senhor meu Deus, eternamente hei de louvar-vos!

Glória ao Pai...

Leitura Tg 5,7-8.9b
Irmãos, ficai firmes até à vinda do Senhor. Vede o agricultor: ele espera o precioso fruto da terra e fica firme até cair a chuva do outono ou da primavera. Também vós, ficai firmes e fortalecei vossos corações, porque a vinda do Senhor está próxima. Eis que o juiz está às portas.

A vós, ó Deus, a nossa gratidão: Vosso nome está perto.
De vós, Senhor, virá a renovação.

MAGNIFICAT
És bendita entre todas as mulheres da terra,
e bendito é o fruto que nasceu do teu ventre!

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Irmãos e irmãs, imploremos a Cristo, a grande luz anunciada pelos profetas aos que viviam na sombra da morte; e digamos:

R. Vinde, Senhor Jesus!

Cristo, Palavra de Deus, que no princípio criastes todas as coisas e nos últimos tempos assumistes a nossa natureza humana,
- vinde salvar-nos do pecado e da morte. R.

Luz verdadeira, que iluminais todo homem que vem a este mundo,
- vinde dissipar as trevas de nossa ignorância. R.

Filho unigênito, que estais no seio do Pai,
- vinde revelar a todos as maravilhas do amor de Deus. R.

Cristo Jesus, que viestes para nós como Filho do Homem,
- tomai filhos de Deus todos aqueles que vos receberam. R.

(Intenções livres)

Vós, que abris as portas de todas as prisões,
- admiti ao banquete das núpcias eternas aqueles que esperam a entrada na vossa glória. R.

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Ave Maria, gratia plena; Dominus tecum: benedicta tu in mulieribus, et benedictus fructus ventris tui Iesus. Sancta Maria, Mater Dei ora pro nobis peccatoribus, nunc et in hora mortis nostrae. Amen.
(Tradução)
Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco, Bendita sois Vós entre as mulheres, e Bendito é o fruto de vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém

SEJAM SANTOS!
Na escola da santidade.

Evangelho do dia

Evangelho segundo São Mateus 7,21.24-27.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Nem todo aquele que Me diz "Senhor, Senhor" entrará no reino dos Céus, mas só aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos Céus.
Todo aquele que ouve as minhas palavras e as põe em prática é como o homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha.
Caiu a chuva, vieram as torrentes e sopraram os ventos contra aquela casa; mas ela não caiu, porque estava fundada sobre a rocha.
Mas todo aquele que ouve as minhas palavras e não as põe em prática é como o homem insensato que edificou a sua casa sobre a areia.
Caiu a chuva, vieram as torrentes e sopraram os ventos contra aquela casa; ela desmoronou-se e foi grande a sua ruína».