Aleteia
Festividade do dia

Segunda-feira, 19 de junho

São Romualdo

Monge (†1027)

Compartilhar

Romualdo habitou três anos na região de Parenzo: no primeiro, construiu um mosteiro e nele colocou uma comunidade de irmãos com o seu abade; nos outros dois viveu lá em recolhimento. A bondade divina elevou-o a tão alta perfeição que, inspirado pelo Espírito Santo, previu acontecimentos futuros e chegou à inteligência de alguns mistérios ocultos do Antigo e Novo Testamento. Era arrebatado frequentemente a tão elevado grau de contemplação que, derramando abundantes lágrimas e inflamado no fogo do amor divino, tinha exclamações como esta: «Jesus, meu amado Jesus, para mim mais doce que o mel, desejo inefável, doçura dos Santos, suavidade dos Anjos!». Estes e outros sentimentos de alegria profunda a que o movia a ação do Espírito Santo, não somos nós capazes de os exprimir com palavras humanas.

Em qualquer lugar onde este santo varão decidia habitar, fazia na cela, antes de qualquer coisa, um oratório com o seu altar e, fechando-se nela, isolava-se de toda a gente. 
Depois de ter vivido em vários lugares, sentindo já iminente o fim da sua vida, voltou definitivamente ao mosteiro que construíra em Vale de Castro. Aí, esperando como certa a proximidade da morte, mandou construir uma cela com o seu oratório, para nela se recolher e guardar silêncio até à morte.

Acabado este seu eremitério, dispôs-se imediatamente para nele se recolher. Mas, começou a agravar-se o seu estado de fraqueza corporal, mais devido ao peso dos anos do que a alguma doença caracterizada. E assim, certo dia, sentiu que lhe faltavam as forças e se acentuava a fadiga causada pelas enfermidades. Ao pôr do sol, ordenou aos dois irmãos presentes que se afastassem e fechassem a porta e que voltassem de madrugada para rezar com ele o ofício matutino. Os irmãos, pressentindo a iminência da sua morte, saíram contra a vontade, mas não foram dormir; permaneceram junto da cela, a observar aquele seu tesouro de valor inestimável, temendo que pudesse morrer, de um momento para o outro, o seu mestre.

Não muito depois o interesse levou-os a escutar melhor. E não lhe ouvindo qualquer movimento do corpo nem o menor ressonar, convencidos já do que havia acontecido, empurraram a porta, entraram rapidamente e acenderam a luz. Encontraram o corpo do santo já cadáver e deitado de costas; a alma tinha voado para o Céu. Ali jazia ele, como pedra preciosa caída do Céu e abandonada, para ser colocada de novo, com todas as honras, no tesouro do Rei supremo.

 

São Pedro Damião

Da vida de São Romualdo,

(Cap. 31 e 69; PL 144, 982-983; 1005-1006) (Sec. XI) 

Descubra outros santos clicando aqui

Abri, Senhor os meus lábios,

E cantarei vosso louvor!

 

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,

como era no princípio, agora e sempre.

Amém

 

Hino

 

Clarão da glória do Pai, 
ó Luz, que a Luz origina, 
sois Luz da Luz, fonte viva, 
sois Luz que ao dia ilumina. 

Brilhai, ó Sol verdadeiro, 
com vosso imenso esplendor, 
e dentro em nós derramai 
do Santo Espírito o fulgor. 

Também ao Pai suplicamos, 
ao Pai a glória imortal, 
ao Pai da graça potente, 
que a nós preserve do mal. 

Na luta fortes nos guarde 
vencendo o anjo inimigo. 
Nas quedas, dê-nos a graça, 
de nós afaste o perigo. 

As nossas mentes governe 
num corpo casto e sadio.
A nossa fé seja ardente, 
e não conheça desvio. 

O nosso pão seja o Cristo, 
e a fé nos seja a bebida. 
O Santo Espírito bebamos 
nas fontes puras da vida. 

Alegre passe este dia, 
tão puro quanto o arrebol. 
A fé, qual luz cintilante, 
refulja em nós como o sol. 

A aurora em si traz o dia. 
Vós, como aurora, brilhai: 
ó Pai, vós todo no Filho, 
e vós, ó Verbo, no Pai.

 

Salmo 83(84)

Não temos aqui cidade permanente, mas estamos à procura daquela que está para vir

 

Quão amável, ó Senhor, é vossa casa,
quanto a amo, Senhor Deus do universo!
Minha alma desfalece de saudades
e anseia pelos átrios do Senhor! 
Meu coração e minha carne rejubilam
e exultam de alegria no Deus vivo! 

Mesmo o pardal encontra abrigo em vossa casa,
e a andorinha ali prepara o seu ninho,
para nele seus filhotes colocar:
vossos altares, ó Senhor Deus do universo!  
vossos altares, ó meu Rei e meu Senhor! 

Felizes os que habitam vossa casa;  
para sempre haverão de vos louvar!
Felizes os que em vós têm sua força,
e se decidem a partir quais peregrinos! 

Quando passam pelo vale da aridez,
o transformam numa fonte borbulhante,
pois a chuva o vestirá com suas bênçãos.
 Caminharão com um ardor sempre crescente
e hão de ver o Deus dos deuses em Sião. 

Deus do universo, escutai minha oração!
Inclinai, Deus de Jacó, o vosso ouvido!
 Olhai, ó Deus, que sois a nossa proteção,
vede a face do eleito, vosso Ungido! 

 Na verdade, um só dia em vosso templo
vale mais do que milhares fora dele!
Prefiro estar no limiar de vossa casa,
a hospedar-me na mansão dos pecadores!

 O Senhor Deus é como um sol, é um escudo,
e largamente distribui a graça e a glória.
O Senhor nunca recusa bem algum
àqueles que caminham na justiça. 

 Ó Senhor, Deus poderoso do universo,
feliz quem põe em vós sua esperança!

 

Glória ao Pai...

 

Leitura breve        Rm 2,1-2

Pela misericórdia de Deus, eu vos exorto, irmãos, a vos oferecerdes em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus: Este é o vosso culto espiritual. Não vos conformeis com o mundo, mas transformai-vos, renovando vossa maneira de pensar e de julgar, para que possais distinguir o que é da vontade de Deus, isto é, o que é bom, o que lhe agrada, o que é perfeito. 

Abri, Senhor, o meu coração,

à tua palavra de Luz!

 

BENEDICTUS

 

Minha língua anunciará vossa justiça eternamente..

 

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

 
e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 


para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 


a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 


anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,


para iluminar os quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 


e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

 

Preces

Com alegre confiança, coloquemos nossos pecados diante do Senhor, que de bom grado perdoa:

  1. Ó Deus, tende piedade de mim, pecador.

 

Pelas palavras e atos de impaciência e raiva:

- perdoai-nos, Senhor! R.

 

Por palavras e atos egoístas:

- perdoai-nos, Senhor! R.

 

Por palavras e atos incoerentes com a nossa fé cristã:

- perdoai-nos, Senhor! R.

 

Por pecados dos quais ficamos mais envergonhados:

- perdoai-nos, Senhor! R.

 

(Intenções livres)

 

Pai nosso ...

 

Oração

Ó Deus, que por São Romualdo renovastes na vossa Igreja a vida eremítica, concedei-nos renunciar a nós mesmos e, seguindo o Cristo, chegar com alegria ao reino celeste.  Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Renunciando a si mesmo e seguindo a Cristo

 

A Lei diz: «Olho por olho, dente por dente» (Ex 21,24). Mas o Senhor exorta, não somente a receber a bofetada daquele que nos bate, mas ainda a apresentar-lhe humildemente a outra face (Mt 5, 38-39). É que o objetivo da Lei era ensinar-nos a não fazer o que não queremos suportar. Impedia-nos de fazer o mal, pelo medo de sofrer. Mas o que agora é pedido, repito-o, é que rejeitemos o ódio, o amor ao prazer, o gosto pela glória e as outras paixões.

Numa palavra, a intenção de Cristo, nosso mestre, é precisamente ensinar-nos como é que fomos levados a cometer todos esses pecados e como caímos em todos esses dias maus. Portanto, Ele libertou-nos primeiro pelo Santo Batismo concedendo-nos a remissão dos pecados; depois deu-nos o poder de fazermos o bem, se o quisermos, e de não voltarmos a ser levados, como que pela força, para o mal.

Doroteu de Gaza (c.500-?)

Monge na Palestina

Instruções

O nosso auxílio é o nome do Senhor,

que fez o céu e a terra!

 

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,

como era no princípio, agora e sempre.

Amém.

 

Hino

Abri os meu olhos, Senhor,

Às maravilhas de teu Amor.

Sou um cego no caminho;

Curai-me, quero vê-lo.

 

Abri minhas mãos, Senhor,

Que se fecham para tudo guardar.

O pobre tem fome diante de minha casa;

Ensina-me a partilhar.

 

Faça com que eu ande, Senhor,

Mesmo que o caminho seja difícil.

Quero segui-lo até a Cruz;

Venha me conduzir pela mão.

 

Faça com que eu escute, Senhor,

Meus irmãos que gritam por mim.

Aos seus sofrimentos e a seus apelos

Que meu coração não seja surdo!

 

Guarda minha fé, Senhor,

Tantas vozes clamam tua morte!

Quando vier a noite e o peso do dia,

Ó Senhor, fica comigo.

 

Salmo 44(45)                    

Como o Cristo, nós esperamos tudo das mãos do Pai e sabemos que não seremos decepcionados. 

 

Do meu coração transborda uma bela inspiração;  
quero consagrar meu poema ao Rei!  
Minha língua é qual o cinzel de um exímio escriba. 
Sois o mais belo dentre os filhos dos homens,  
de vossos lábios se expandiu a graça;  
Deus vos abençoou para sempre.

Levais vossa espada de glória no flanco,  
herói valoroso, no vosso esplendor; 
saí para a luta no caro de guerra  
em defesa da fé, da justiça e verdade! 

Vossa mão vos ensine valentes proezas,
vossas flechas agudas abatam os povos  
e firam no seu coração o inimigo! 

Vosso trono, ó Deus, é eterno, é sem fim;  
vosso cetro real é sinal de justiça:  
Vós amais a justiça e odiais a maldade. 

É por isso que Deus vos ungiu com seu óleo,  
deu-vos mais alegria que aos vossos amigos.  
Vossas vestes exalam preciosos perfumes. 

De ebúrneos palácios os sons vos deleitam.
As filhas de reis vêm ao vosso encontro, 
e à vossa direita se encontra a rainha  
com veste esplendente de ouro de Ofir.

 

Glória ao Pai...

 

Leitura breve              Tg 4,11-12
Não faleis mal dos outros, irmãos. Quem fala mal de seu irmão ou o julga, fala mal da Lei e julga-a. Ora, se julgas a Lei, não és cumpridor da Lei, mas sim, seu juiz. Um só é o legislador e juiz: aquele que é capaz de salvar e de fazer perecer. Tu, porém, quem és, para julgares o teu próximo? 

 

Curai-me, Senhor,

pois pequei contra vós.

 

MAGNIFICAT

A minh'alma engrandece o Senhor, porque olhou para a minha humildade.

 

A minha alma engrandece ao Senhor

e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;

pois ele viu a pequenez de sua serva,

desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita. 

O Poderoso fez por mim maravilhas

e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,

chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,

dispersou os orgulhosos;

derrubou os poderosos de seus tronos

e os humildes exaltou;

 

De bens saciou os famintos,

e despediu, sem nada, os ricos.

Acolheu Israel, seu servidor,

fiel ao seu amor,

 

como havia prometido aos nossos pais,

em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 


Glória ao Pai...

 

Preces
Jesus Cristo quer salvar todos os seres humanos; por isso o invoquemos de coração sincero; e digamos: 

R. Atraí, Senhor, todas as coisas para vós! 

Bendito sejais, Senhor, porque nos libertastes da escravidão do pecado pelo vosso sangue precioso; 
– tornai-nos participantes da gloriosa liberdade dos filhos de Deus. R. 

Concedei a vossa graça ao nosso bispo N. e a todos os bispos da Igreja, 
– para que administrem os vossos mistérios com alegria e fervor. R

Fazei que todos aqueles que se dedicam à busca da verdade possam encontrá-la,
– e, encontrando-a, se esforcem por buscá-la sempre mais. R. 

Assisti, Senhor, os órfãos, as viúvas e todos os que vivem abandonados, 
– para que, sentindo-vos próximo deles, unam-se mais plenamente a vós. R. 


Recebei com bondade na Jerusalém celeste os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida, 
– onde vós, com o Pai e o Espírito Santo, sereis tudo em todos. R. 

 

(Intenções livres)

 

Pai nosso ...

 

ANTÍFONA MARIANA

Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos degredados filhos de Eva.

A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.

Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.

Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos da promessa de Cristo. Amém

 

 

SEJAM SANTOS!

Na escola da santidade.

Evangelho segundo S. Mateus 5,38-42. 
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Ouvistes que foi dito aos antigos: ‘Olho por olho e dente por dente’.
Eu, porém, digo-vos: Não resistais ao homem mau. Mas se alguém te bater na face direita, oferece-lhe também a esquerda.
Se alguém quiser levar-te ao tribunal, para ficar com a tua túnica, deixa-lhe também o manto.
Se alguém te obrigar a acompanhá-lo durante uma milha, acompanha-o durante duas.
Dá a quem te pedir e não voltes as costas a quem te pede emprestado.

Boletim
Receba Aleteia todo dia