Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 26 Maio |
São Felipe Neri
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santo Afonso Maria Fusco

Sacerdote (†1910)

MAN

Public Domain

No Sul da Itália, na região de Salerno, nascia no dia 23 de março de 1839 o pequeno Afonso. Seus pais eram pobres agricultores e receberam o pequeno Afonso, como um presente há muito esperado: havia quatro anos que o casal não tinha filhos. Desanimados com essa situação, foram buscar conforto numa igreja que guardava as relíquias de Santo Afonso Maria de Ligório. Ao conversarem com o Padre dessa igreja, misteriosamente ele teria dito: “Vocês terão um menino. Darão o nome de Afonso. Ele será padre e seguirá os passos de Santo Afonso”. Era o ano de 1838. Durante sua infância, Afonso recebeu os o amor de seus pais e o primeiro contato com a catequese cristã já dentro de sua própria família. Recebeu a Primeira Comunhão aos sete anos de idade e com onze anos, o pequeno Afonso teve a coragem de dizer para seus pais que tinha muita vontade de ser padre… A profecia que o padre havia feito estava se cumprindo em todos os detalhes. Padre Afonso foi ordenado 1863 e se tornou um pároco com grande zelo apostólico. Além de se dedicar à administração dos sacramentos, se dedicava à pregação voltada ao povo simples, conquistando mentes e corações. Fundou uma Congregação feminina com a ajuda de Madalena Caputo, uma senhora que desejava fortemente se tornar freira. Os inícios foram muito acanhados, já que Madalena e outras três jovens foram morar numa casa humilde: todas buscavam a santificação por meio do voto da pobreza e da caridade. Aos poucos outras postulantes foram se apresentando e a obra foi crescendo, não sem sofrimentos e contradições: situações de incompreensão tanto internas quanto externar, foram origem de grandes dissabores e provações também para Padre Afonso, que teve sua autoridade questionada por diversas vezes. Apesar disso, sua fé e humildade eram heroicas: quando na casa das irmãs faltava até mesmo a comida, ele as encorajava dizendo: “Coragem, vou falar com Jesus”; e Jesus tantas vezes respondia: por diversas vezes chegavam donativos que supriam as necessidades mais básicas das irmãs e dos pobres. No dia 5 de fevereiro de 1910 ele se sentiu mal. Pediu para receber os sacramentos. Na manhã do dia seguinte, após ter abençoado as irmãs que vieram para acudi-lo, disse: “Sou um servo inútil. Não me esquecerei de vocês: do céu rezarei sempre por vocês!”. Em seguida, faleceu. A multidão que veio prestar as últimas homenagens ao santo era incontável. Dizia-se que naquele dia um santo havia morrido. Papa Francisco o canonizou no dia 16 de outubro de 2016.

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais