Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Julho |
São Botvido
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santo Estevão

Protomártir (†±36)    

STEPHEN

Lawrence OP CC

Santo Estevão

Foi o primeiro entre os sete homens eleitos pela Igreja de Jerusalém, aos quais os Apóstolos impuseram as mãos. Não se sabe quem eram seus pais e onde nasceu. Sabe-se apenas que era de descendência judaica e foi discípulo do célebre Gamaliel. Além de ser profundo conhecedor dos livros sagrados, distinguiu-se por uma piedade pouco vulgar e por um zelo ardente pela santa fé. Feito diácono, cabia-lhe fazer a distribuição das esmolas, como ajudar aos Apóstolos nas funções litúrgicas. Junto com os Apóstolos, pregava a doutrina de Jesus Cristo em toda a cidade de Jerusalém. Além disto fazia milagres, como atesta a Sagrada Escritura: “Estêvão, cheio de graça e fortaleza, fazia grandes prodígios e milagres entre o povo”. (At 6,8).
    Levado diante das autoridades judaicas, foi caluniado e acusado de subverter as leis de Moisés. Contudo, inspirado pelo Espírito Santo, relembrou toda a história da salvação, mostrando que não havia blasfemado nem contra Deus nem contra a Lei. As lideranças, porém, ficaram ainda mais iradas e o levaram aos gritos para fora da cidade, apedrejaram-no até a morte, depuseram as capas aos pés de um moço que se chamava Saulo, aquele mesmo que mais tarde se converteu e por Deus foi chamado para ser o grande Apóstolo dos gentios. Enquanto apedrejavam a Estevão, este orava e dizia: “Senhor Jesus Cristo, recebei o meu espírito”. E, estando de joelhos, clamou em alta voz, dizendo: “‘Senhor, não lhes imputeis este pecado’. E tendo dito isto, adormeceu no Senhor”. (At 7).
Alguns homens piedosos trataram de enterrar Estêvão. É opinião de muitos que dos primeiros destes homens tenha sido o próprio Gamaliel, e que o enterro de Estevão se teria realizado num sitio que Gamaliel possuía, nas cercanias de Jerusalém.
Os Santos Padres tecem grandes elogios a Santo Estêvão, destacam sua pureza, o zelo apostólico, a firmeza e constância. Antes de tudo, porém, enaltece o amor ao próximo verdadeiramente heroico, que o fez rezar pelos próprios assassinos.
A muitos destes a oração do santo mártir alcançou a graça da conversão. Santo Agostinho não hesita em atribuir à oração de Santo Estêvão a conversão de Saulo: “Se Santo Estêvão não tivesse rezado, a Igreja não teria um São Paulo”.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais