Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 18 Setembro |
São José de Cupertino
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Só uma garçonete tratava bem o cliente ranzinza. Ele morreu. E ela caiu para trás com seu testamento.

Little Things, via Best of Web

Best of Web - Aleteia Brasil - publicado em 17/11/16

"Um sorriso no rosto pode ser o único gesto de bondade que muitas pessoas vão ver em certos momentos da vida"

A garçonete Melina Salazar, que trabalha no restaurante Luby, em Brownsville, no Texas, sempre foi educada com todos os clientes, mas havia um que era bem difícil. Walter Buck, 89 anos, veterano da Segunda Guerra Mundial, era descrito como áspero, exigente, ranzinza e queria tudo do jeito dele.

A única que ainda tinha paciência para servi-lo era Melina, que trazia as refeições exatamente como Walter queria, sem reclamar e sempre de sorriso no rosto. As outras garçonetes simplesmente se recusavam a atendê-lo.

Quando o veterano deixou de aparecer no restaurante, Melina percebeu a sua ausência e foi atrás de informações. No dia em que descobriu o nome de Walter na seção de óbitos do jornal local, ela ficou arrasada.

A garçonete tinha sido uma das poucas pessoas que demonstraram bondade para com o idoso nos últimos dias de sua vida, mas só ficou sabendo disto alguns dias antes do Natal de 2008, quando mais uma notícia a surpreendeu com força. O falecido veterano de guerra tinha lhe deixado parte da sua herança: o equivalente a 170 mil reais e um carro! A ela, que praticamente nem o conhecia – mas ele a conhecera o suficiente para desejar retribuir a um gesto de generosidade que muito poucos tinham lhe oferecido sem esperar algo em troca.

Melina recordou, ao comentar o fato, que “nunca sabemos o que está acontecendo na vida de alguém para que ele se comporte daquela forma”. A garçonete cuja bondade foi recompensada inesperadamente aproveitou para manifestar um desejo: que os outros garçons saibam que prestar o seu serviço com um sorriso no rosto pode ser o único gesto de bondade que muitas pessoas vão ver em certos momentos da vida. Talvez, na vida inteira.

Nem sempre a recompensa virá em dinheiro. Mas sempre virá.

Nós, cristãos, deveríamos testemunhar isto com mais clareza ao mundo.

_______________

A partir do site Best of Web

Tags:
generosidadegratidaoIdosospacienciaVirtudes

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
BEATRIZ
Reportagem local
Mistério do sumiço de uma mulher em Aparecida já dura 9 anos
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Papa Francisco pede homilias mais curtas
Francisco Vêneto
Papa Francisco pede aos padres: façam homilias mais curtas
5
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa reafirma: casamento sacramental é só entre homem e mulher
6
Berthe and Marcel
Lauriane Vofo Kana
O segredo do casal que tem a união mais longa da França
7
tentativa suicídio depoimento
Reportagem local
EM IMAGENS: A cara da depressão profunda e do suicídio é não ter ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia